Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Alcantara, uma Volta de 5 para 5 estrelas!

Sábado, 05.04.14

Hoje, Pelotão completa uma das mais bonitas voltas Internacionais!
Completaram a volta: José CavacaLuis FilipePaulo Alexandre Rodrigues,Francisco Romão, e Henrique Manso. No regresso juntaram-se Fernando Duarte,Armando Oliveira, Calos Lourenço, e Marco Daniel Alves.
Simplesmente 231km que caracterizam indubitavelmente a melhor volta do ano.

 

Partida da Covilhã às 7h tal como programado.

 

No Fundão já o Sol seguia a nossa roda contrariando todas as previsões, afinal todos falham.

Quem não falhou foram os que se aventuraram.

 

Subida da Gardunha com 12 graus. Temperaturas que viriam a atingir os 23 graus.

 

Perto da Orca, Pelotão mostra motivação para uma das mais bonitas voltas do ano.

 

Pelotão na Orca.

 

Bom ritmo, agora rumo à Idanha.

 

Passagem na Sra da Graça em Idanha a Nova.

 

Zebreira.

Pelotão sempre muito animado, e tinha razões para isso, pois pedalava-se para a que todos comentaram, uma das mais bonitas voltas Internacionais.

 

 

Sempre com temperaturas a rondar os 20 graus e muitas vezes com Sol, chegava-se facilmente a Segura. Segura, terra de familiares do nosso amigo Romão.

 

E foi em Segura que um tio do nosso amigo Romão, ofereceu os cafezinhos ao Pelotão.

Ao amigo José Barata o nosso muito Bem-Haja.

 

Depois seguia-se a Ponte que faz de fronteira com Espanha.

 

 

Momento da entrada do Pelotão em Espanha.

A aldeia de Segura, fronteira entre Portugal e Espanha com o Rio Erges a dividir estes 2 países, fica situada no concelho de Idanha-a-Nova, Distrito de Castelo Branco a 300Km este de Lisboa, a capital de Portugal.

 

 

Registo da imagem que faz a separação dos dois Países. 

 

 

Rio Erges em Segura.

 

 

Romão pedala já em terras espanholas.

 

 

Ainda tive tempo para capturar esta imagem do rio Erges.

 

 

Nem o constante sobe e desce, que fez desta volta uma das mais duras do ano, retiraram a sempre boa disposição deste pequeno mas enorme Pelotão.

 

 

 

E Alcantara à nossa frente.

 

 

 

Exato momento em que chegamos a Alcantara.

Ponte Romana de Alcántarana Espanha, é uma ponte construída a mando do Imperador Trajano, executada pelo arquiteto Caio Julio Lacer. Sustenta-se sobre 6 arcos, tendo 194 metros de comprimento, 61 metros de altura e 8 metros de largura. Fica sobre o rio Tejo. Foi construída cerca do ano 106.

 

 

 

Uma inscrição no centro da ponte indica que foi construído em honra ao imperador romano Trajano, nascido na Hispânia. A inscrição diz o seguinte:

"Imp. Caesari. Divi. Nervae. F.Nervae Traiano. Aug. Ger. Dacio. Pontif. Max. TRIB. POTEST ; VIII Imp. V.Cos V. P.P.".
Tudo tão bonito que Henrique escolheu este local para almoçar.
Depois de termos permanecido 45 minutos neste local, tivemos que por pedais à estrada.
Neste ponto para Portugal faltavam 15 km.
De novo na aldeia de Segura.

Passagem do pelotão no centro da aldeia.

 

 

E já com a companhia do Fernando Duarte, pedalava-se agora rumo a Medelim.

 

 

Pelotão na aldeia de João Pires.

 

 

Seguia-se aldeia do Bispo.

 

 

Próximos de Penamacor a nossa volta começava a cheirar a final.

 

 

Pelotão na variante a Penamacor.

 

 

Perto da Capinha.

 

 

E na Capinha o amigo Fernando Duarte obtem uma bonita imagem do Pelotão.

 

 

E pronto amigos, com a Covilhã à vista termina o nosso passeiozito a Espanha-Alcantara.

Lindo de verdade, e passa a fazer parte do nosso calendário anual.

 

E meus amigos, cheguei a casa eram umas 17h 30m, estou agora a terminar todas as actualizações, ou seja, tive mais uma etapa de 4h e 15m a trabalhar com todo o gosto para os amigos.

 

Eis agora o nosso pelotão de vidamente ordenado.

Alterações: 

Luis Filipe assalta 2º lugar.

Paulo Rodrigues sobe de 15º para 12º.

Romão sobe um lugar.

 

Mais ciclismo... amanhã uma pequena volta de recuperação.

 

Covilhã, Sra do Carmo, Belmonte, Inguias(Café), Quinta Termos, Caria, Peraboa, Monte Serrano e Covilhã.

Partida dos Arcos ás 8h 30m.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 19:13


1 comentário

De Carlos Pereira a 07.04.2014 às 09:56

Um abraço a todo o pelotão Cavaca, espero que o amigo Guilhermino já não tenha dores e em breve volte a pedalar, saúde.

Comentar post