Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



A grandeza do Pelotão Cavaca deve-se a grandes obstáculos.

Sábado, 06.06.15

Actualmente tenho uma "montanha" bem difícil de vencer, mas com a ajuda preciosa dos amigos, vou certamente conseguir. Não deram o seu máximo, longe disso, mas ofereceram-me o seu melhor, a presença.  Foram eles, Lidio Ramos, Carlos Maricoto, Pedro Santos, Miguel Ângelo, Armando Oliveira, Fernando Duarte e José Cavaca.

 

Às 8 horas partimos dos Arcos.

 

Muito calor para muito convívio.

 

Subidinha do Souto Alto.

 

Entrada na Estrada rural para Carvalhal.

 

Manhã óptima para despertar,,, cheguei a pensar que estava a caminho de Albufeira.

 

Recrutamos mais um para um grande sonho, Lídio Ramos vai a Sagres!!! 

 

Entrada no Carvalhal.

 

De Carvalhal para Valverde.

 

Pelotão próximo das Donas.

 

Óptima esta ciclovia.

 

Por vezes temos que buscar forças bem no fundo, para nos mantermos firmes...

 

Cidade do Fundão.

 

Rumo ao Pesinho.

 

  Gostei em especial nesta manhã, do simplício da simplicidade simples de ser.

 

Pelotão na Ponte Pesinho-Peso.

 

Vales do Rio.

 

Entrada no Dominguiso.

 

Pelotão Cavaca em Dominguiso.

 

Pelotão Cavaca muito próximo do Tortosendo.

 

Rumo à casa do Armando onde registamos o momento com foto de grupo.

 

De novo a pedalar e a dar entrada no Tortosendo.

 

Centro da vila de Tortosendo.

 

E pronto amigos, esta já cá canta,,, uma manhã simples, com pessoas humildes que valorizaram esta forma de conviver pedalando.

 

 

Pelotão ordenado depois da volta desta manhã.
A registar a subida de Carlos Maricoto do 68º para 61º lugar, e a subida de Fernando Duarte de 28º para 26º lugar.

 

Amanhã às 8:00 nos Arcos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 12:00


1 comentário

De Dos verdadeiros JJ a 06.06.2015 às 18:24

Ó Cavaquinha as melhoras e que regresses depressa. Isto sem ti é como trabalhar e não pagarem. e não ligues às bocas foleiras é só inveja e eu também a tenho. Agora falar nas costas isso é mais feio mas logo lhe passa.
Esou a espera para irmos a Sagres.

Comentar post