Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Fascinante volta por Sandomil.

Sábado, 21.07.12

cavaca 1

 E na hora da verdade compareceram, Guilhermino Pais, Vasco Santos, Gabriel Travasso, Francisco Romão, Kevin Sá, José Cavaca, Filipe Roberto, e José Carlos que se juntou a nós nas Pedras Lavradas no nosso regresso.

Pedalamos por Tortosendo, Unhais da Serra, Pedras Lavradas, Teixeira, Vide, Alvoco das Várzeas, Ponte das Três Entradas, Santo António do Alva, Penalva de Alva, Sandomil, Corgas, Sazes da Beira, Loriga, Alvoco da Serra, Pedras Lavradas, Unhais e Covilhã, totalizando 154km de bom ciclismo. 

Simplesmente uma volta de sonho, haja pernas para a desfrutar!

 

cavaca 2

Ultimos preparativos para a "festa"!

 

cavaca 3

A nossa saída às 7 horas,,, bem fresca estava a manhã.

 

cavaca 4

Passagem na Vila de Unhais da Serra.

 

cavaca 5

Pedras Lavradas, e tudo pedalava confortável.

 

cavaca 6

*****

 

cavaca 7

Está situada na zona centro do país, no Distrito da Guarda, no Parque Natural da Serra da Estrela, a uma distância de 25 km da Torre.

A aldeia da Vide tem vários acesso sendo os principais a EN 230, que a liga a Oliveira do Hospital, e a EN 238, uma saída da EN 231, que a liga a Seia. Devido ao isolamento a que foram votadas, algumas das suas povoações anexas têm vias de comunicação deficientes, o que dificulta o acesso às mesmas, favorecendo o seu isolamento particularmente com condições atmosféricas desfavoráveis, no Inverno.

É a maior freguesia do concelho, em área, e a que mais povoações anexas tem.

 

cavaca 8

Alvoco das Várzeas, uma zona de rara beleza.

É uma das mais bonitas freguesias portuguesas.


E tu Alvôco com toda a tua beleza
Com rio e várzeas servindo de jardim
Alvôco tão belo
Nunca te esqueças de mim!

 

 

cavaca 9

Já a pedalar para a Ponte das Três Entradas. Lá em cima a Aldeia das Dez que muito brevemente vamos visitar.

 

 

 cavaca 10

*****

 

 

cavaca 11

A nossa passagem em Santo António do Alva.

 

cavaca 12

Seguiu-se Penalva de Alva.

 

cavaca 13

E finalmente a entrada na nossa aldeia, Sandomil.

 

cavaca 14

Não resisto e tenho mesmo que registar esta singular beleza.

 Esta lindíssima aldeia pertencente ao concelho de Seia, na região Centro do País, na imensa Serra da Estrela, banhada pelo cristalino Rio Alva, que aquiesce à aldeia uma beleza única.

 

cavaca 15

Pena o tempo ser pouco, mas mesmo assim deu para adoçar a vista.
A paisagem rural de Sandomil é o maior Património da aldeia, com moinhos de água, azenhas bem na margem do rio e a fantástica praia fluvial de águas luzidias.  Por entre estas ruas serranas de calmaria e paz de espírito.

 

cavaca 21

Depois de sandomil, um prazer de sofrimento.

 

 

cavaca 16

Subimos até Corgas.

 

cavaca 17

E sempre a subir, demos de frente com Sazes da Beira.

A sua fundação deve-se a famílias de pastores vindas de Sandomil e das Corgas à procura de terrenos férteis e com fácil acesso à água. A primeira fixação definitiva deu-se (supõe-se) no século XV, no lugar chamado já desde o século XVIII de "Sazes Velho". Em 1527 tinha a aldeia 65 pessoas. No entanto e continuando à procura de proximidade da água levou à fundação do que é hoje a aldeia de Sazes da Beira propriamente dita. Não se sabe a data da fundação da sua freguesia/paróquia, existindo no entanto registos paroquiais (baptismos, casamentos e óbitos) desde 1612, o que indica que a paróquia deverá ter sido constituída na segunda metade do século XVI. Em 1731 é edificada a sua Igreja Matriz.

 

cavaca 18

E dentro de Sazes da Beira estes maravilhosos "muros". Dá mesmo gosto vencê-los.

 

cavaca 19

Despediamo-nos de Sazes, mas as rampinhas continuavam connosco.

 

cavaca 22

Perto do Cruzamento para a N231 esta bonita panoramica. Lá ao fundo está Sandomil.

 

cavaca 20

Mas hoje o dia era para subir, subir, subir!!!

 

cavaca 23

E aqui em Loriga estivemos perto de nos desviarmos da estrada...

 

cavaca 24

O nosso amigo Santos até caíu de c......

 

cavaca 25

Mas a estrada esperava por nós, faltavam aqui em Loriga 55km para casa.

 

cavaca 26

Já de regresso na estrada das Pedras Lavradas.

 

cavaca 27

E a ultima foto desta memorável manhã, Unhais da Serra.

Companheiros, espero que tenham dado como bem empregue este tempo.

 

Amanhã há mais!!!

 

SAÍDA DA SRA DO CARMO ÀS 8h 30m.

 

Té manhã.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 15:16


5 comentários

De carlos cavalheiro a 21.07.2012 às 18:08

Espectáculo estas saídas para a montanha, que pena que eu tenho! Esses ares e os declives que bem que fazem. Estava a ver as fotos e reparei que o nosso amigo Francisco Romão não sei o que fez à sua barriga! Esta serra faz maravilhas, haja saúde para a desfrutar .

De José Cavaca a 21.07.2012 às 22:40

Companheirão, fazes cá falta nestes "passeios", são deveras extraordinários!!! Quanto à volta das Inguias, deve ser lá para o dia 23 de Agosto,,, mas depois confirmo. Grand abraço.
José Cavaca

De Francisco Romão a 23.07.2012 às 00:55

Pois pois, só sei que agora para além de transpirar pelos normais sitios, comecei a transpirar também pela barriga. Se calhar é por isso.
Nota-se bastante é numas cuecas de algodão que agora quase que cabem 2 no perimetro. Se não fosse a antena a segura-las caiam-me...

De António Lebre a 21.07.2012 às 23:44

Sortudos do caraças...

Lebre

De Francisco Romão a 23.07.2012 às 01:01

Carissimos. Esta sem dúvida que foi uma volta a sério.
Foi feita com algum sacrificio, onde a vontade de desistir ainda pairou, mas como tinha levado muitos mantimentos, fui doseando as forças.
Assim pude chegar em boas condições e praticamente de almoçinho tomado, não fosse o equipamento ter 3 belos bolsos ("Alforges").
Venham mais assim, pois ainda deu para chegar com menos 2,3kg.

Comentar post