Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Uma Santa volta!

Segunda-feira, 03.10.11

cavaca 1

Hoje às 8h 30m eu e Zé Carlos saímos da Covilhã rumo ao Fundão, Souto da Casa, Vale de Urso, Casal da Fraga, Sra da Orada(foto), São Vicente da Beira, Casal da Serra, Soalheira, Alpedrinha, Fundão e Covilhã, totalizando 93km.

 

cavaca 2

Como é habitual, não posso deixar de registar a nossa passagem por Vale de Urso.

 

cavaca 3

Proximo de São Vicente, viramos à esquerda para o bonito Santuário da Sra da Orada.

 

cavaca 5

Pedalamos cerca de 3km até chegarmos a este bonito e acolhedor local.

 

cavaca 6

Depois do meu amigo Zé me contar a lenda da Sra da Orada, e que adorei ouvir, aqui fica também para todos os que ainda não conhecem...

A lenda da Senhora da Orada é emblemática da tradição oral beirã, onde as serpentes fêmeas mamam o leite das mulheres. Trata-se de uma punição injusta de um pai para com a filha solteira engravidada, que nestas condições era abandonada às feras para que a devorassem. Apareceu-lhe a Virgem, que lhe revelou que o inchaço na barriga era uma cobra que nela havia gerado, aconselhando-a a colocar-se de pernas para o ar, com a cabeça sobre um prato de leite. A rapariga assim fez e a cobra, atraída pelo cheiro do leite, saiu pela boca. O pai, arrependido, e por penitência, mandou construir uma capela no local da aparição, onde também surgira uma nascente milagrosa.
É nesta nascente que os romeiros, no dia da festa da Sr.ª da Orada, 4 domingo de Maio, fazem as suas lavagens rituais com esta água:"Lavam os olhos com aquela fé, tem devoção e fazem as suas lavagens. Agora dizer que há um ritual colectivo, isso não, é mais individual, cada um toma-a à sua maneira.

 

cavaca 7

O nosso amigo Zé bebendo a água dessa fonte milagrosa.

 

cavaca 8

O espaço do santuário foi recentemente recuperado, por sua Excelência o Presidente da Câmara Municipal de Castelo Branco, Joaquim Mourão./ 25-5-2003. Obras só possíveis devido ao seu grande empenho." Nestas obras inclui-se o arranjo de um parque de merendas à sombra de jovens amoreiras e a construção de assadores para churrascos, muito procurados nos fins-de-semana de Verão e durante o dia da romaria.

 

cavaca 9

De novo a pedalar, e depressa chegamos a São Vicente da Beira.

 

cavaca 10

São Vicente da Beira

A vila de São Vicente da Beira foi fundada por Dom Afonso Henriques, em 1173, no âmbito da sua cruzada contra os Árabes, na Península Ibérica. As suas origens perdem-se na Idade do Bronze – cerca de 4.000 a.C. –havendo, ainda, muitos vestígios dessa época. Passaram por aqui os romanos, os suevos os visigodos, e agora alguns ciclistas!!! 

 

cavaca 11

A seguir a São Vicente, o durinho desta manhã... a subidinha com 20% para Casal da Serra.

 

cavaca 12

No alto da Serra parei e registei esta magnífica paisagem onde é visivel a barragem do Pisco.

 

cavaca 13

Depois, a bonita aldeia de Casal da Serra.

 

cavaca 14

À saída de Louriçal do Campo, este bonito Santuário de Nossa Sra de Fátima.

 

cavaca 15

E com 31 graus, começamos a subir a Serra da Gardunha.

 

cavaca 16

Calor que nesta epoca do ano não me parece normal.

 

cavaca 17

Passagem no alto da Gardunha.

 

cavaca 18

E a nossa chegada à Covilhã. Foi uma volta muito agradável, com assinatura do Zé Carlos.

 

Amanhã há mais... saída da Sra do Carmo as 8h 30m.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 10:29


6 comentários

De Ricardo Abreu a 04.10.2011 às 18:15

Muito Boas Colegas

Muito me orgulha as pedaladas do companheiro Zé Carlos, sim senhor, a coragem e a determinação, aliadas à Fé têm os seus resultados.

Quanto ao calor que se faz sentir é normal para este novo mês que é o Outembro!!!! Pro ano tiro férias neste mês...

Abraço a todos e amanhã lá estarei se aqui o Junior deixar.

Ricardo Abreu

P.S.- Continuem a assinar os comentários neste blog que este espaço merece é de todos para todos e com respeito para todos.

De José Cavaca a 04.10.2011 às 20:48

Grato amigo Ricardo pelo comentário a estimular ao respeito recíproco. Espero que para bem de todos, todos possam cultivar o bem estar das pessoas que nos visitam neste espacito.

Muito obrigado

José Cavaca

De Fã nº 01 a 04.10.2011 às 18:26

Sr Zé!!!
Hoje estou sem palavras.
Além de uma foto sua (onde o sr aparece), hoje o sr tem apenas fotos do Zé Carlos, que é uma estrela de primeira grandeza.
Amei!...Adore!...Gostei imenso!...das fotos e dos comentários sobre as paisagens onde elas foram tiradas.
Achei curiosa a lenda da Senhora Dourada, não a conhecia, pois a que sei é dizem ser real, não emblemática, é a seguinte: "Um casal que vivera uma paixão proíbida resolveram casar-se as escondidas e de modo diferente... resolveram ir até a pequena capela da Nossa Senhora Dourada fazer um pacto de união.... chegando lá, improvisaram um pacto de sangue... procuraram os espinhos de algumas silvas, mas não o encontraram, resolvendo tirar o brinco da noiva para através do pinozito do brinco, fazer um furo nos dedos para que eles, ao se juntarem (os sangues), formasem uma só pessoa. Casaram-se! e como padrinhos escolheram uns gatos que ali estavam... e felizes, os bichinhos comeram as coxinhas e asas de frangos no churrasco que foram ofericido nas bodas. Quanto a fonte, esta é milagrosa porque molhou a cabeça do casal com sua água benta"
Bom.... esta Santa volta foi 5, 6 e até 7 estrelas.
Parabéns!!!
Parabéns mesmo!
Fico devendo-lhe um abraço pelas fotos, pela aula cultural e pela amizade e carinho que tem com todos.... Obrigada! vou copiar as fotos.
Atenciosamente,

Fâ nº 01

De José Cavaca a 04.10.2011 às 20:59

Ba noite Fã nº 1... eu é que estou sem palavras para responder a tão notável e esmerado comentário. Não é a primeira vez que me surpreende e tal acontece, mas desta vez foi comentário de 5, 6 ou centenas de estrelas... muito obrigado. Quanto à lenda, adorei as duas,,, mas parece mais realista a segunda, ou seja a sua. Fico a aguardar o abraço, pelo carinho e amizade que tem para com este blog e para quem nele participa, muito grato estou. Termino com uma frase que talvez conheça..." Agradeço a você por sua amizade tão especial, e por nos fazer sentir, que somos alguém com quem você se importa!"

José Cavaca

De jose carlos a 05.10.2011 às 07:36

Olá Zé.

Bom dia… hoje tou com perguicite aguda. vou me deitar agora…. São 7.25. mas antes queria responder aos comentários que foram feitos sobre o dia de ontem.
Aproveito também para dizer que a volta de ontem me é familiar e fui eu que fiz força para a fazer-mos pois são terras que me trazem boas recordações e é lá que estão as minhas origens pois meus avós e meus pais por ali nasceram.
Também envio 1 abraço ao Ricardo e espero que já esteja recuperado da sua lesão e quanto á lenda…….! Confesso gostar muito mais desta segunda pois parece bastante real, também já a conhecia e como fala de amor, cai muito melhor nos meus ouvidos, falta-lhe apenas um pormenor.. é que reza a historia da época que naquele dia o sol , nasceu muito mais cedo , indo ainda ao encontro da lua, e o casal em causa resolveu fazer uma bonita tatuagem em homenagem ao SOL EA LUA…..
Agora resta-me agradecer o carinho da fã n.1 e enviar-lhe 1 grande beijinho.

Saudações ciclisticas..

José Carlos

De bcmantunes a 05.10.2011 às 13:27

Viva, meu caro amigo José Cavaca & Cª.
Magnífico!
Qualquer que seja a classificação desta volta, santa, ou simplesmente volta, foi magnífica, pela apresentação de fotografias representativas de tal.
Estranhei a existência de cadeiras metálicas na capela de Orada, é mais condizente haver bancos de outro estilo nas capelas e igrejas.
Como já foi dito o amigo Zé Carlos está numa forma invejável, postura e determinação que deve ser seguida.
Caríssimo, J. Cavaca, para que possa continuar a animar este espacito, desejo-lhe muita saúde.
Grande abraço,
Belchior Madeira Antunes

Comentar post