Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Uma volta pela Cova da Beira.

Quarta-feira, 28.09.11

cavaca 1

Numa manhã tranquila, sem vento e com temperatura excelente para a prática do ciclismo, eu e Zé Carlos demos preferência a uma voltinha pela nossa região. Saímos da Covilhã rumo a Peroviseu, Capinha, Alcaide, Alto Gardunha, Fundão, Aldeia de Joanes, Pesinho, Peso, Dominguiso e Covilhã.

 

cavaca 2

Com um ritmo de pedalada bem agradável, entramos na N346 rumo à Capinha.

 

cavaca 3

Antes da Capinha, passamos pela freguesia de Peroviseu que fica situada no extremo norte do concelho do Fundão, a cerca de 13 km da sede do concelho. Confronta a Norte com a freguesia do Ferro, a Este com a Capinha, a Sul com Fatela e Valverde (Ribeira da Meimoa) e a Oeste com Alcaria. É atravessada pela E.N. 346 que liga Alcaria a Penamacor.

 

cavaca 4

Depois de passar na Capinha, tomamos a bonita estrada que nos leva ao alto da Gardunha.

 

cavaca 5

A subida é muito agradável, e temos à direita a linda paisagem da nossa Cova da Beira.

 

Cova da Beira, é uma sub-região estatística portuguesa, parte da Região Centro e do Distrito de Castelo Branco. Limita a norte com as sub-regiões da Serra da Estrela e da Beira Interior Norte, a leste com a Beira Interior Sul, a sul com a Beira Interior Sul e com o Pinhal Interior Sul e a oeste com o Pinhal Interior Norte. Tem uma área de 1 373 km² e uma população de 90 073 habitantes. Compreende apenas 3 concelhos: Covilhã, Fundão e Belmonte.

 

cavaca 6

Zé Carlos já no alto da Gardunha.

 

cavaca 7

Depois de descer a Gardunha e passar pelo Fundão, entramos na Aldeia de Joanes.

 

cavaca 9

Antes de entrar no Peso, passagem sobre o Rio Zêzere.  É talvez o mais visitado e conhecido dos rios Portugueses pelos canoistas.
A montante da Barragem de Castelo do Bode, os canoistas que gostam dos grandes planos de águas calmas encontram aqui alguns dos locais mais bonitos para visitar. O Lago Azul é um local espectacular que oferece muito boas condições para entrada e saída de água, para além de estacionamento e serviços de restauração. Muito embora possua alguns troços de águas mais agitadas a montante, é o troço entre a Barragem de Castelo de Bode e a Vila de Constância o mais pagaiado. A sua calmaria e as paisagens que o emolduram, fazem deste troço do rio o mais procurado por grupos de iniciados e de empresas de descidas em kayak.

 

cavaca 8

E com algumas gotas de água a cair, terminamos esta calma e tranquila volta.

 

A proxima volta será Sexta Feira.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 12:20


4 comentários

De jmedeiros a 28.09.2011 às 14:19

Zé Carlos,
Estás a ficar um Tubossauro !
O Cavaca já é Tubossauro!

(Tubarão+Dinossauro: especíe em vias de extinção na nossa zona)

Do Tubarão herda a qualidade de predador de Kms e de grande garra em alcançar os seus objectivos, do Dinossauro herda o conhecimento e a experiência adquirida ao longo dos anos

http://jmedeiros.blogs.sapo.pt/137009.html

De José Cavaca a 29.09.2011 às 14:59

Companheirão Medeiros, Tubossauro é uma fábrica de tubos que faz cadeiras de balanço... talvez esteja ligada ao ciclismo para servir depois das longas voltas!!!

Grande abração


José Cavaca

De bcmantunes a 28.09.2011 às 22:25

Viva, meu caro amigo José Cavaca & Cª.
Gostei do passeio, conheço muito bem alguns dos pedaços de estrada em causa, tal como aquela curvinha na rotunda onde está o amigo Zé Carlos a descer para unhas curvinhas manhosas mas agradáveis para os passeios de bici em direcção ao Telhado.
O amigo Zé Carlos está numa forma invejável!
Caríssimo, J. Cavaca, que a saúde não nos falte.
Grande abraço para vocês,
Belchior Madeira Antunes

De José Cavaca a 29.09.2011 às 15:10

Viva, meu caro amigo Belchior... eu também gostei do passeio, nasci no Fundão e vivi os primeiros 3 anos na Aldeia de Joanes, vindo depois para a Covilhã.
O amigo Zé Carlos está uma "moto", muitas vezes, e já aqui falamos nisso, só damos valor à saúde quando a não temos, e o nosso amigo Zé com o susto que levou, adora viver a vida mais que nunca, vejo nos olhos dele e nas conversas, que vai viver intensamente cada segundo da vida,,, este é por vezes tema de conversa durante muitas voltas.
Grande abração amigo Belchior, e muito obrigado pela visita a este espacito.

José Cavaca

Comentar post






pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Setembro 2011

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930


Ciclismo, uma paixão.