Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



1ª Volta das Barragens,

Domingo, 17.07.11

                           distinta e elegante.

cavaca 1

Palinhas, Fernando Prata, Guilhermino, António Silva, Chico Mendes, Helder Torres, José Cavaca, António Sá, Fernando Mendes, e António Raimundo Silva,  foram os colegas que se apresentaram na Sra do Carmo ás 8 horas para esta gentil volta, volta proposta pelo amigo António Silva Raimundo que, desde logo merece o nosso aplauso e continuidade. Por distintas razões e por ser Domingo, alguns colegas foram regressando mais cedo, sem transitar pelas quatro barragens.

 

 cavaca 2

E vamos para a estrada, porque algumas "barragens" aguardavam por nós.

 

cavaca 3

À vista a primeira desta manhã, a do Sabugal.

 

cavaca 4

E à barragem do Sabugal chegaram o Cavaca, António R. Silva, António Sá, Bruno Palmeirão que se juntou a nós no T. das Bruxas, Fernando Mendes, Chico Mendes, Fernando Prata, Guilhermino e António Silva. Regressaram mais cedo o Palinhas e o amigo Helder.

 

A Barragem de Nossa Senhora da Graça, ou geralmente chamada de Barragem do Sabugal está localizada no Sabugal, distrito da Guarda.

Características Hidrológicas.

Área da Bacia Hidrográfica - 130 km2

Precipitação média anual - 1248 mm

Caudal de cheia - 569 m3/s

Período de retorno - 1000 anos

 

Características da Barragem

Aterro - Terra zonada

Altura acima da fundação - 58,5 m

Cota do coroamento - 794 m

Altura acima do terreno natural - 56,5 m

Comprimento do coroamento - 1005 m

Número de banquetas a jusante - 2

Volume de aterro - 1894 x 1000 m3

 

cavaca 5

De novo na estrada, agora pedalava-se rumo à Malcata.

 

cavaca 6

Mas antes da Malcata, os três António juntos...

António Silva, António Sá, e António Raimundo Silva.

 

cavaca 8

O registo da pausa na Malcata, com a Barragem da Sra da Graça como fundo.

Presentes o Fernando Prata, Bruno Palmeirão, António Silva, Guilhermino e Cavaca.

Extinguiram-se, Chico Mendes, António Silva, Fernando Mendes e António Sá.

 

cavaca 9

Pedalava-se agora com muito vento rumo ao Meimão.

 

cavaca 11

Bruno veio mais tarde,  mas facilitou e ajudou na nossa tarefa.

 

cavaca 12

O nosso Guilhermino, sofrimento dissimulado.

 

cavaca 13

António Silva, o mestre desta original e durinha volta.

 

cavaca 14

E Fernando Prata, um dotado e finalizador desta robusta voltinha.

 

cavaca 16

Próximo de Penamacor e entre as localidades de Meimoa e Meimão, na orla da Reserva Natural da Serra da Malcata, encontramos aBarragem do Meimão. Possuidora de bons acessos ao longo do seu perímetro e de uma vegetação e arborização luxuriantes, as águas limpíssimas são convidativas ao lazer e prometedoras de excelentes pescarias. As espécies piscícolas predominantes são o achigã, a boga e a carpa. Nos últimos anos a população de carpas tem vindo a aumentar, começando a rivalizar com a das bogas que, inicialmente, constituíam o grosso das capturas.

 

cavaca 17

Chegaram até à barragem do Meimão, os mesmos elementos da Malcata.

 

cavaca 18

De novo a rolar, agora com vento a favor rumo à Capinha.

No Escarigo regressaram a casa o Guilermino, António R. Silva, e Bruno Palmeirão.

 

 

cavaca 19

Chegada à ultima barragem, a da Capinha.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 14:27


8 comentários

De António Raimundo a 17.07.2011 às 21:14

Amigo Cavaca;
Peço desculpa a todos os participantes pela dureza
deste magnifico passeio, mas nem eu imaginava que fosse tão dura.
Para mim foram 112 Km.duma bonita volta na companhia de bons amigos.
Por motivos pessoais tive que regressar a casa mais cedo, e não me foi possível ir até a barragem da Capinha.
Bonitas paisagens e bons companheiros.

Saudações cicloturistas e até Domingo.

De José Cavaca a 17.07.2011 às 21:52

Boa noite amigo António.
Nada de desculpas,,, tenho é que agradecer a sua magnífica ideia desta volta. Quanto à dureza, eu já esperava, e não enganou a altimetria do perfil publicado no post anterior, está corretíssimo. No que respeita à quilometragem, eu pedalei 130km, mas muito gratificantes já que as paisagens fazem esquecer as dores musculares, e eu hoje nem que pedalasse todo a dia, não me cansava.

Muito bons companheiros, volta a repetir, e a próxima será a 2ª volta das Barragens ao inverso.

Grande abração.

José Cavaca

De Lourenço a 17.07.2011 às 21:16

Boas

Bela imagens e bela volta.

Abraço

De José Cavaca a 17.07.2011 às 21:54

Lourenço!!!!! por onde andas????

Esta voltita estava mesmo à tua medida!!!

Grande abração

José Cavaca

De Lourenço a 18.07.2011 às 19:47

Amigo

Ultimamente não tenho tido tempo para andar.
Era para ir para a Guarda Substituir um colega por 2 dias mas afinal já passaram 3 semanas.
Com isto tudo fico sem tempo para andar.
Mas para a semana já começo novamente andar.
Regresso ao posto de trabalho de origem.

Grande abraço

De jmedeiros a 18.07.2011 às 21:32

Confirmo o Lourenço.
Eu também não tenho tido tempo, nem vontade.
Lá para dia 8 de Agosto, quando voltar dos Açores regresso às voltas de bicicleta.
Por enquanto estou a recuperar o fisíco e a planear mais uns roteiros turísticos para pedalar.
Abraço
Medeiros

De bcmantunes a 18.07.2011 às 01:15

Viva, meu caro amigo José Cavaca & Cª.
Certamente foi um passeio encantador!
Pelos carneirinhos que o vento provocava na água dá para perceber que o vento esteve sempre presente, pelos vistos na maior parte do País.
No caso da Barragem da Capinha as restrições deveriam ser respeitadas.
Caríssimo, J. Cavaca, foi um prazer estar neste espacito.
Saudações cordiais,
Belchior Madeira Antunes

De José Cavaca a 19.07.2011 às 18:44

Amigo Belchior, que grande observador é o meu bom amigo,,, ecertou em cheio no vento, pois esteve uma manhã muito ventosa. Foi, e bem o diz o meu bom amigo, um passeio encantador,,, algo durinho, mas se fosse fácil não era encantador.
No caso das restrições na barragem da Capinha e não só, os culpados são unicamente os cidadãos portugueses, ainda estamos muito baixinhos de cultura.

Meu bom amigo, grato pela visita, e um grande abraço de todos nós.

José Cavaca

Comentar post