Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Amanhã, a típica volta da Rapa.

Sexta-feira, 08.07.11

Foto da Rapa por ocasião da nossa visita em 15 de Maio 2010.

Rapa é uma freguesia do concelho de Celorico da Beira, com 7,95 km² de área e 197 habitantes. Densidade: 24,8 hab/km².

 

Vamos pedalar ainda por, Orjais, Valhelhas, Trinta, Porto da Carne, Lageosa do Mondego, Relva, RAPA, Aldeia Viçosa, Cavadoude, Guarda, Orjais e Covilhã.

 

SAÍDA DA SRA DO CARMO ÀS 8 HORAS.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 01:05


4 comentários

De C. C. V. a 09.07.2011 às 06:18

Caro Cavaca, antes de procederes à leitura pontual do que me vai na alma, os meus parabéns pelo excelente trabalho que tens feito pela cultura deste desporto.
Então transitemos para o que me vai na alma:
Cavaca, a vaidade é o inimigo numero 1 de um grupo, então se esse grupo se mantém, e mentém essa vitalidade, é porque a vaidade, vaidosos, estão ausentes. Por favor não apagues este comentário, há verdades que devem e têm que ser manifestadas, um simples olhar para algumas voltas do passado ano, e é repulsivo como alguns colegas por uns simples treinos de conveniência, abdicaram cabalmente da tua companhia e de mais alguns. As minhas desculpas se feri alguém, mas é intolerável o comportamento de alguns vaidosos, e que diziam noutros tempos serem construtores de um capaz e aliado grupo. Simplesmente esfumaram-se!
Logo, nada faças para o regresso desses que só vão aparecer para mostrar as vaidosas qualidades. Põe em uso uma das tuas grandes virtudes, continua a ser um homem de valor e não um bem sucedido.
Um abraço também para o Medeiros.

De Medeiros a 09.07.2011 às 06:19

Amigo C.C. e V. não sei quem és, mas retribuo o abraço.Concordo c

mais

Amigo C.C. e V.
não sei quem és, mas retribuo o abraço.
Concordo com o comentário, e digo mais, é triste quando nos entregamos de corpo e alma e no fim ainda ouvimos críticas infundadas daqueles que por vaidade ou que por qualquer outra razão tentam enaltecer-se.
Eu nunca quis qualquer protagonismo ou poder, simplesmente tentei reunir e organizar alguns amigos que pedalavam sozinhos e ao acaso, criei um blog, tentei criar algumas regras simples, tais como horários de saídas e volta mais ou menos pré-defenidas para que todos pudessem antecipadamente escolher se participavam ou não e sempre que foi necessário alterar alguma rota ou horário para que mais alguém pudesse participar, foi assim que se fez.
Quero salientar que todos estes meus fundamentos tiveram origem no amigo José Cavaca, esse meu grande mentor e esse grande apaixonado do mundo da bicicleta.
O meu único intuito é ver um grupo de amigos a pedalar juntos e com prazer sem rivalidades ou hostilidades e desejo que esses que se afastaram meditem bem e regressem, pois de certeza que serão bem vindos de volta.
Se fui bem sucedido ou não, só o tempo o dirá, como já referi anteriormente, às vezes para se dar um passo em frente temos que dar dois passos atràs.
Cavaca, estou consigo incondicionalmente, e só como pequeno exemplo tenho o maior orgulho em levar o equipamento Provideo a qualquer ponto do País.
Cavaca, desculpe infiltrar-me aqui com as minhas ideias.
Um abraço do Medeiros


De Lulu,,,oui c'ést...moi a 09.07.2011 às 06:21

Pensamento "o dinheiro faz os homens ricos,
o conhecimento os homens sábios,
a HUMILDADE faz os homens GRANDEEEESSSSS"

menos


De Ciclismo ....um "óbi" a 09.07.2011 às 09:41

Depois de muito se ter falado, comentado, parece-me que este assunto já cheira a dejectos.
Os intervenientes aparecem, aparecem, não aparecem, não aparecem, cada segue o seu caminho e destino.
"Amigos, amigos negócios à parte´"
O grupo do Cavaca vai manter-se. Haverá alturas com presença mais ou menos assiduas, mas vai continuar. Acho que se deve encerrar este assunto.
E como alguém diz deixa a coisa andar e manda Càgár.
Porém quem não sente não é filhos de boa gente.
Ponto final.

Comentar post