Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Manhã distinta e rica em efemérides.

Domingo, 03.07.11

cavaca 1

Quase me atrevia a dizer, "sem comentários", a imagem falaria por si. Mas não...

esta manhã teve algumas particularidades dignas e merecem ser relatadas.

Presentes, Manuel Zorro, Carlos Cavalheiro, António Silva, António Santos, Zé Carlos, Chico Mendes, João Venâncio, José Cavaca, Belchio Madeira Antunes, João Dias, e Helder Torres.

Primeiro quero agradecer a todos a prontidão com que sem qualquer hesitação,  aceitaram a minha proposta matinal a uma visita ao nosso amigo e já bem conhecido Belchior Madeira Antunes, que se encontrava em Silvares. Muito obrigado a todos, em especial ao amigo António Silva e Helder Torres, porque estavam limitados de tempo.

Segundo, a estreia de mais um amigo nas nossas voltas, o Manuel Zorro, companheiro singular, curiosamente de Lisboa veio conhecer o Belchior a Silvares, que também reside em Lisboa.

Segundo, a presença do amigão de longa data, o Carlos Cavalheiro, ex-ciclista da Avidesa, que também reside em Lisboa, e também conheceu pessoalmente o Belchior na Beira Baixa.

Foram, e posso fincar, uns bons 80 proveitosos quilómetros.

BEM-HAJA BELCHIOR MADEIRA ANTUNES. 

 

cavaca 2

João Venâncio, José Cavaca, e Carlos Cavalheiro. 3 AVIDESA 1987

 

cavaca 3

Mas vamos para a estrada que há vontade em pedalar para Silvares.

 

cavaca 9

O nosso companheiro estreante nesta bem escolhida manhã, Manuel Zorro.

 

cavaca 5

Carlos Cavalheiro. Finalmente e passados 20 anos, voltamos a pedalar juntos.

É caso para comemorar!

 

cavaca 6

Manhã óptima, companheiros em harmonia, e um amigão à espera! Que mais se quer...

 

cavaca 7

Proximo do Fundão, exemplar, mas não quis vir connosco, disse que tinhamos muita pedalada.

 

cavaca 8

Passagem na minha terra Natal, Fundão.

 

cavaca 10

Souto da Casa.

 

cavaca 11

Quem falta??? dou uma pista,,, anda às cerejas.

 

cavaca 12

Helder Torres, e Lavacolhos como fundo.

 

cavaca 13

Entrada em Silvares.

 

cavaca 14

Aqui, numa casa amarela ao centro, esperava-nos Belchior Madeira Antunes.

 

cavaca 16

E finalmente o nosso encontro, conhecer pessoalmente um comentador assíduo deste blog, Belchior Madeira, simplesmente sociável, aquilo que já se esperava. Comentavam alguns colegas no regresso, "valeu a volta, valeu muito conhecer o senhor Belchior," e se gostamos de ciclismo!

 

cavaca 15

O amigo Belchior tem tema, conhecimento e cultura para todo o tipo de conversa.

 

cavaca 17

O amigo António Silva aproveita e tira uma foto com dois "netos ciclistas".

 

cavaca 18

Novamente na estrada, para trás ficaram 30 minutos de conversa

que vou solidificar para sempre.

 

cavaca 21

Passagem na Coutada, restava pouco para finalizar esta memorável manhã.

 

cavaca 19

Obrigado Helder Torres...

 

cavaca 4

... António Silva, e todos, mas todos os que de qualquer forma enriqueceram esta manhã.

 

cavaca 22

Ultima localidade antes da Covilhã, Tortosendo.

 

Resta-me dizer, obrigado companheiros por se importarem comigo, todos temos motivos para a gratidão quando as pessoas  têm tempo para partilhar bons momentos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 13:24


25 comentários

De Fã nº 01 a 03.07.2011 às 13:51

Olá amigo Cavaca!

Espero que o passeio desta manhã tenha corrido como o esperado e a equipa de ciclismo tenha se mantido unida, pois equipa unida, jamás será vencida....lol
Gosto de ver (ler) o jeito com que tratas os teus amigos.... até mesmo os ausentes, não os esquecendo e fazendo algumas surpresas (indo visita-los).
Parabéns!

De José Cavaca a 03.07.2011 às 15:12

Olá Fã nº1, o passeio foi mais que o esperado, foi muito gratificante, e pelas razões que podem ler no Post. Muito grato por ter reparado na maneira(jeito) com que escrevo e trato os amigos, é que todo o meu alento vai para eles, mesmo os que não me suportam, pois com estes também se aprende. Muito obrigado uma vez mais pela visita, é e será sempre um prazer ler e responder a tão estimados comentários. Espero que por milagre, apareça por aí um dia destes um(a) Fã nº 2. Quanto ao Zé, esta manhã esteve impecável, soube ocupar o lugar devido. É um respeitável colega.

José Cavaca

Um abraço do tamanho do mundo de todos nós.

De Alipio Cordeiro a 03.07.2011 às 13:58

Cavaca!

Não me conheces ainda, mas quem sabe um dia ainda damos umas pedaladas juntos, pois sou portugues e resido deste outro lado do atlântico. Sou do Sobral, Penacova. Me falaram do teu blog e gostei muito.
Agora tens muitos visitantes e admiradores (as) deste lado do atlantico.
Sucesso nas pedaladas e um forte abraço ao patrícios.

Alipio

De José Cavaca a 03.07.2011 às 18:27

Caro Alipio Cordeiro, não conheço, não sei onde reside, diz-me de onde é, mas não conheço Sobral. Resta-me agradecer a visita, esperar que um dia venha a Portugal, Covilhã, e será com todo o gosto que daremos umas voltinhas de bici. Sucesso para essas bandas do Mundo, e ficamos à espera de mais notícias.

Grande abraço

José Cavaca

De Alipio a 03.07.2011 às 20:48

Caro Cavaca,
Como disse, moro deste lado do atlantico, no Brasil. Vim com apenas 2 anos de idade para cá. Nasci no Sobral, onde ainda tenho família.
Em 2012 estarei por aí e vou até a Covilhã. Agora venho ver o blog sempre que puder e também direi aos amigos para ver como é bonita esta terra.
Sucesso tambem a todos e um grande abraço.

Alipio Cordeiro

De José Cavaca a 03.07.2011 às 21:05

Caro Alipio, está num grande País, mas não há como o nosso "quartinho". Então em 2012 cá o esperamos, será com prazer, e vamos certamente ter esperança que essa sua esperança, sonho, se realize,,, e eu que esteja por cá com muita saúde para o acompanhar. Meu irmão, muito obrigado pelo acompanhamento deste simples "jornal", mas é com muito gosto que o mantemos activo e actualizado.

Grande abração, e que 2012 venha depressa.

José Cavaca

De Zé Carlos a 03.07.2011 às 14:47

Olá Zé…

Bela reportagem, excelente companhia, e feliz por ter conhecido um homem que todo já sabia-mos ser um homem bom… quero também dizer que hoje meu coração bateu mais devagarinho com esta volta calminha… andei sempre no verde.rsss aproveito também por enviar meus cumprimentos a tão ilustres comentadores….

Bem-haja!

z.c.

De José Cavaca a 03.07.2011 às 18:30

Ó Zé, tens que tratar bem esse motor, lembra-te que não podes exceder o limite das rotações, tens muita "gente por tua conta", isto para não falar dos amigos que gostam da tua companhia.

Grande abraço, e té já.

José Cavaca

De Zé Carlos a 04.07.2011 às 06:10

Bom dia zé...

Tenho feito por isso.... tou de dieta faz 9 messes.... tomo os remedios a tempo e horas...... e tambem mudo o oleo....!! Espero me continuar a sentir bem, e a ter tempo para vos continuar a acompanhar..

grande abraço..

Z.C.

De bcmantunes a 05.07.2011 às 11:08

Viva, meu caro amigo Zé Carlos.
Fica tudo mais fácil quando temos muita gente que gosta de nós! Isto não é novidade, mas é importante interiorizar.
A dinâmica de generosidade sem limites ao redor do amigo J. Cavaca, pois, merece o nosso melhor acolhimento e resposta a condizer. Como quem diz: Complacente.
Caríssimo, Zé Carlos, desejo tudo de melhor.
Grande abraço,
Belchior Madeira Antunes

De Zé Carlos a 06.07.2011 às 00:39

Olá amigo Belchior Madeira Antunes

Também desejo tudo de bom para o Sr., passei pelo seu blog e estive a ver umas fotos dos pasteis de nata… quando passar aqui pelo Tortosendo (Zona industrial) pergunte por mim. Vou deixar aqui o nosso site e lá irá encontrar as moradas e nossos contactos. Aqui na nossa empresa também temos umas “natas” que o Sr. Belchior precisa provar…

www.diasepereira.no.sapo.pt.

Fica um abraço deste amigo.

Zé Carlos

De carlos cavalheiro a 03.07.2011 às 21:22

Quero dizer a todos os companheiros desta volta a Silvares que foi uma bela manhã desta prática desportiva que todos nós tanto gostamos, outros dias por certo que vos farei companhia.
Um abraço para todos mas um em especial aqueles amigos que já não via a algum tempo.
Até breve.
Carlos Cavalheiro

De José Cavaca a 03.07.2011 às 21:53

Companheiro e amigo Carlos Cavalheiro, estamos muito gratos pela tua presença e por tudo o que fizeste para estar presente nesta manhã. Por certo iremos viver e revier momentos passados, o mundo gira,as pessoas vêm e vão,o tempo passa e fica a recordação.

Que daqui por vinte anos possamos recordar esta manhã, e todos aqueles que nos acompanham. Sermos lembrados é acima de tudo um agradecimento.

Forte abraço de todos nós.

José Cavaca

De bcmantunes a 05.07.2011 às 11:22

Viva, companheiro Carlos Cavaleiro.
Diz o amigo J. Cavaca, que daqui a vinte anos possamos recordar esta manhã.
Permitam-me que acrescente; Daqui a trinta anos possamos repetir esta manhã.
Se formos de vinte em vinte não é mau, mas se formos de trinta em trinta, em vez de recordados, repetidos, ainda melhor!
Caríssimo, C. Cavaleiro, desejo tudo de bom, obrigado por fazer parte do magnífico grupo que fez o favor de me visitar em Silvares, Fundão.
Grande abraço,
Belchior Madeira Antunes

De Antonio Siva a 03.07.2011 às 21:43

Amigo Cavaca foi um privilegio pedalar com esses fabulosos colegas, para mim foram 106 Km que nem dei por eles: Boa companhia, boas estradas, belas paisagens e belas fotografias.
Foi um prazer conhecer o sr Belchior, o sr.Carlos Cavalheiro e o sr.Manuel Zorro.
Foi também para mim um prazer pedalar com esses dois jovens, não há idade para se pedalar quando se tem vontade e excelentes companheiros nem se da pelos Km's que se percorrem.
Obrigados a todos os Cicloturistas.
Um abraço a todos.
António Silva.

De José Cavaca a 03.07.2011 às 22:09

Meu bom amigo António, o previlégio é nosso em o termos na nossa companhia, bom companheiro, homem sereno,e homem de nobre coração. Poderiamos ser muito mais, poderíam ser muito melhores, se não quiséssemos ser tão bons. Obrigado pela sua sempre boa companhia, e não sou só eu que o digo, é sempre agrad+avel ve-lo chegar para nos acompanhar numa nova volta.

José Cavaca

De bcmantunes a 05.07.2011 às 10:42

Viva, meu caro amigo António Silva.
Não vou percorrer o nosso vastíssimo vocabulário para arranjar palavras para agradecer a visita do amigo António e de todos, pois basta dizer obrigado pela visita, até à próxima.
Impressionante, espantoso, eram palavras que enchiam o meu pensamento na presença de todos vós!
Caríssimo, António, também foi um prazer conhecê-lo, desejo muita saúde para fantásticos passeios.
Grande abraço,
Belchior Madeira Antunes

De jmedeiros a 04.07.2011 às 10:04

Palavras para quÊ?
Parabéns a todos pela festa!
Medeiros

De bcmantunes a 05.07.2011 às 10:18

Viva, meu caro amigo Jorge Medeiros.
De facto era notório o ar festivo com que os amigos CAVACA & C.ª fizeram o favor de me presentear.
Por maior que seja a esponja ou borracha jamais apagará estes momentos da minha memória.
A dimensão do gesto só se entende desta maneira:
Cheguei a Silvares, Fundão, à tardinha, vindo de Pomares, Arganil, liguei ao amigo Cavaca para tomarmos um cafezinho. A preocupação com a saúde de sua Mãe inviabilizou o encontro. No dia seguinte às 9 horas telefonou-me a dizer que vinha a Silvares, Fundão.
Foi assim com esta disponibilidade e eficácia que o amigo Cavaca e os companheiros que aqui foram nomeados se organizaram e vieram a Silvares, Fundão, visitar-me. O momento era para champanhe, mas quem conduz não bebe, ficou para melhor ocasião!
Caríssimo, J. Medeiros, foi desta forma extraordinária que fui visitado pelos amigos da Covilhã.
Grande abraço,
Belchior Madeira Antunes

De Antunes a 04.07.2011 às 14:09

Sr. Cavaca alem de muitas coisas bonitas que já escreveu, hoje fiquei espantado com uma muito significante e diz tanto para tanta gente, parabéns mais uma vez.

((Poderiamos ser muito mais, poderíam ser muito melhores, se não quiséssemos ser tão bons.))

dá para todos pensarmos um pouco porque há muita verdade.

De Manuel Zorro a 04.07.2011 às 22:56

Foi uma manhã de domingo fantástica; paisagens maravilhosas, na companhia de novos amigos com a paixão pelas bicicletas...já sei agora que quando for á Covilhã tenho de levar a bicicleta. Olhando pelos vossos passeios, concluo que ainda me falta muito para conhecer a região.. Um obrigado a todos pela companhia, em especial ao amigo Cavaca e já agora o almoço no Monreal foi estupendo. Até breve

ab

De Helder Torres a 04.07.2011 às 23:39

Com amigos destes tudo é mais simples. Conhecer pessoalmente o Sr. Belchior foi magnifico. Cumprimentos a todos.

Helder Torres

De bcmantunes a 05.07.2011 às 09:49

Viva, meu caro amigo Helder Torres.
Magnífico foi eu ter a vossa calorosa presença.
Caríssimo, Helder Torres, desejo muita saúde e muitas pedaladas.
Abraço,
Belchior Madeira Antunes

De bcmantunes a 05.07.2011 às 09:42

Viva, meu caro amigo José Cavaca & Cª.
Sem comentários ficaria eu se não frequentasse este magnífico Blogue, que é como um quadro de uma escola do melhor agrupamento do nosso País ou do Mundo.
Ninguém ficaria indiferente a tão calorosa visita...
Inexcedíveis e incomparáveis!
A temperatura estava agradável no dia 3 de Julho de 2011, pela manhã, porém o calor era humano e a uma temperatura para a qual não existe termómetro.
Agradeço um por um dos amigos que fizeram o favor de me visitar em Silvares, Fundão.
Manuel Zorro, Carlos Cavalheiro, António Silva, António Santos, Zé Carlos, Chico Mendes, João Venâncio, José Cavaca, João Dias, e Helder Torres.
Para não me deixar descambar para o arengar digo, obrigado a todos, com votos de muita saúde para que nunca faltem as pedaladas no vosso dia a dia.
Caríssimo, J. Cavaca & Cª, tive de trazer parte das ameixas que ficaram por comer, desejo tudo de melhor.
Grande abraço,
Belchior Madeira Antunes

De José Cavaca a 05.07.2011 às 13:41

Meu bom amigo Belchior, antes de tudo,,, não sei a quem agradecer por ter tido a sorte de conhecer tão estimada e valorosa pessoa como é o nosso Belchior Madeira Antunes, eu não agradeço a Deus por ele me ter dado todos estes amigos... mas por Ele me ter dado a capacidade de perceber isso, de repartir com eles a alegria que sinto quando os, ou me acompanham. Gratidão é uma sensação agradável, cresce onde existem pessoas como o Belchior, floresce com grupos de amigos como este. Quase todos temos motivos para festejar manhãs como esta, manhãs que tento organizar com a compreensão de todos, é por vezes muito ífícil, mas a gratidão por ter a amizade de todos e a sua amizade é muito gratificante. Mais uma vez obrigado por se importarem comigo, isso ilumina a nossa estrada.
Grande abraço a todos, mas mesmo a todos!

José Cavaca

Comentar post