Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



De Covilhã por C. Branco.

Quarta-feira, 15.06.11

cavaca 1

Uma tranquila volta até C. Branco,,,  é que já cheira a Marofa!

Participaram nesta serena volta, Diogo Fernandes, José Cavaca, António Simões, e o Zé Carlos que ainda nos acompanhou até à Gardunha.

Em Castelo Branco não podia deixar de visitar o amigo José António Pires amigo de longa data, e também o filho, proprietários da loja de Bicicletas do Amieiro, representantes da Specialized.

 

Foram 128km com alguma restrição, é que Sábado queremos ver de bem alto F. C. Rodrigo.

 

 cavaca 2

À passagem pelo Fundão, Zé Carlos comanda.

 

cavaca 3

E aí estão as nossas bem conhecidas retas da N18 para C. Branco.

 

cavaca 4

Se na Gardunha perdemos o Zé, perto de Alcains ganhamos o Diogo.

 

cavaca 8

Um companheirão que não perde uma oportunidade de pedalar na nossa companhia.

E que bem lhe fica o novo cervélo, Parabéns.

 

cavaca 6

Temperaturas às 9 horas rondavam os 26 graus.

 

cavaca 7

Passagem em Alcains, terra do nosso amigão e companheiro Diogo Fernandes.

 

cavaca 9

Entrada em C. Branco.

 

cavaca 10

Rotunda Europa em frente.

 

cavaca 11

Uma visita ao amigo Zé, já no interior da sua Loja.

 

cavaca 12

De novo na estrada, e vamos para a Covilhã que o calor espera-nos.

Diogo, uma vez mais, obrigado pela companhia, se puderes vem connosco no Sábado.

 

PROXIMA VOLTA, É SÁBADO À MAROFA.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 13:57


10 comentários

De KiLas a 16.06.2011 às 13:39

Volta agradavel.
Companhia agradavel.

Que mais se quer?

Voltas e voltas ciclisticas agradaveis, com companheiros,companheiras,conhecidos,desconhecidas, amigos,amigas e os in.

Saudações

De José Cavaca a 16.06.2011 às 14:24

Totalmente de acordo. Que mais se quer? ...que mais e mais colegas dêem continuidade a mais desporto e mais convívio. Desporto, seja qual for, deve ser antes de tudo um prazer. Tenho andado quilómetros e quilómetros de estrada com bons companheiros, gostaria que fossem muito mais. Seria mais agradável, que alguns amigos esquecessem por momentos os rostos carregados de seriedade, o semblante cheio de preocupação quando treinam para competição, pois mais parece irem para uma batalha de vida ou morte.
Desfrutem mais o prazer de pedalar, essa é a minha proposta, apareçam!

De Alguem que costuma ver o blog a 16.06.2011 às 23:04

Sr Cavaca.
Não tenho o prazer do conhecer pessoalmente mas vou vendo o blog por causa dum amigo em comum.
Não acha que está a tornar o seu blog numa guerra contra aqueles que treinam para competir? Não vejo qual é o mal. Esse meu amigo tem-se dado bem. É que que antes era um espaço educativo e agora só vejo comentários destruidores e tretas dos prós, dos pseudos, dos neos e coisas assim.
É que eu só vejo comentários de desforras e coisas do género.
Esse meu amigo não treina para que andem aqui a falar mal dos treinos específicos e coisas assim.
Cada um deve andar ou treinar como quer.
Aqui na minha terra diz-se para não bater mais no ceguinho.

De Alguém que também vê o blog a 17.06.2011 às 00:42

Eu tenho o prazer de conhecer o MESTRE Cavaca e todos os outros e inclusivé esse seu amigo...certamente????. Todos(esses)os que andam ou andaram com o Cavaca aprenderam e levaram lições de vida e aprendizagem.
Aqui nunca houve nem haverá comentários destruidores.
Defacto cada um treina como quer e bem lhe apetece, verdade? E tem razão toda a gente gosta de progredir. Agora desprezar os amigos por causa de umas questiunculas de ciclismo ou métodos de treino.... JAMAIS. Esse seu amigo e outros é que se afastaram porque os treinos do Cavaca são muito longos e não têm método e não são especificos,,,Será? Diz o Vistante que esse seu amigo se dá bem com os TREINOS especificos, ainda bem, felicitações. Mas não é isso que está em causa. O que está em causa é a amizade o companheirismo a vivência que existia. Pergunto quem são essas pessoa que simplesmente estão a desprezar o Grande Mestre e a coloca-lo à margem. Quer queiramos ou não isto magoa, e como se diz na minha terra "e tão amigos que nós éramos" por isso "não bata mais no ceguinho" porque não sabe do que está a falar. O que esse seu amigo e outros queriam é que o Cavaca...apagasse algumas verdades que aqui são ditas em comentário..... para lhes agradar.
Para terminar a amizade devia (deve)perdurar, e sobrepor-se a tudo, deixemos o egoismo, a superioridade....porque o mundo é pequeno...e quando nascemos e morremos somos todos iguais.

De José Cavaca a 17.06.2011 às 09:47

Ou o colega não sabe ler, ou não quer entender!

Nunca, jamais eu estive contra metodos de treino e, ou competição. Volto a dizer, há tempo para tudo,,, mas como por esses motivos, certos colegas há muito nem os vejo, é, e penso que é logico eu notar a falta desses amigos,,, se o amigo não pensa assim, então continue o seu caminho, porque eu gosto do ter amigos, amigos, alguns bem assíduos, já ha mais de dois mêses que nem os vejo, será que estou errado? Ou será que notar a falta deles te magoa assim tanto? então não és humano.

Há tempo para tudo, e como diz um amigo, quem não se sente não é filho de boa gente,,, mas fique sabendo que com tantas ausências, já nem se nota a falta de alguns,,, até porque, quem não aparece esquece.

Os verdadeiros amigos são aqueles que me acompanham tal como sou, acompanham-me nos bons e maus momentos, vivem comigo as minhas alegrias, e têm compartilhado a minha dor, jamais me julgam por lutar pela companhia daqueles, como o colega, que por qualquer motivo deixaram de se ver. Lamento que "não tenhas cultura para observares isto antes de escrever essse teu comentário", é que 99,9% dos colegas estranharam a ausência desses mesmos colegas, e eu também.

Recordar os amigos é fácil para quem tem memória, esquece-los é difícil para quem tem sentimentos.

Olha para trás, observa este blog,,,tenho receio daqueles que começaram a ser meus amigos porque éra vantajoso, agora talvez deixem de sê-lo porque também é vantajoso... é que o Cavaca acompanha com todos!!! só um ceguinho não vê isso.


José Oliveira Cavaca

De PiROLiTO a 17.06.2011 às 09:50

As verdades são para ser ditas, muito embora doam e causem sofrimento.
O Cavaca é um camaradão e este blog é um exemplo de democracia, onde todos os intervenientes têm liberdade de expressão.

Obrigado amigo e companheiro das duas rodas.

De Diogo Fernandes a 16.06.2011 às 14:50

Infelizmente hoje em dia veem-se as pessoas praticarem desporto apenas para estarem bem no verao e para isso, recorrem a treinos intensivos em ginasios e a porcarias (e desculpem a expressao) de dietas.

É o mundo que temos e a mentalidade que as pessoas teem, nao se pode fazer nada. Cada vez mais associa-se desporto A`perca de peso, e infelizmente é verdade.

Mas deixe-mos esse "grupo" de pessoas e façamos a nossa vida, com ou sem treinos longos ou pequenos, com ou sem ambiçoes, o importante é desfrutar do prazer de fazer desporto. Se eu nao me interessa-se por ciclismo, hoje nao tinha escrito este post.

Um abração e apareçam mais vezes, que eu farei os possiveis para vos acompanhar!

Diogo Fernandes

De jmedeiros a 16.06.2011 às 18:54

Amigo Diogo,
O eu me move é a paixão tardia que em mim despertou!
O prazer de dar ao pedal, sentir o vento na cara, conheçer novos lugares e tudo isto com amigos, sem pensar em mais nada!
Vamos lá pedalar todos, sejam 30 minutos ou um dia inteiro, o que interessa é que cada um se sinta realizado, o resto são tretas e balelas!
Abraço a todos
Medeiros

De jmedeiros a 17.06.2011 às 12:47

Não me esqueço da ida a Portalegre a 7 de Maio de 2011, onde o Cavaca e o Tó Vento fizeram mais de 40kms debaixo de uma intensa chuva e forte vento para nos acompanhar desde a Covilhã até Castelo Branco, eu insisti várias vezes para eles regressarem e eles nada...
Penso que está tudo dito!

Continue amigo Cavaca, mesmo que todos o abandonem (o que eu não acredito) eu estarei do seu lado a pedalar, mesmo com as minhas alterações de rotas (já vão sendo menos vezes).
Muitos mais partilharão da minha opinião.
Abraço do Medeiros

De Antunes a 17.06.2011 às 15:13

Eu, amigo Cavaca, nem respondia a tão baixo comentário, isto por várias razões: Ou não conhece mesmo o amigo Cavaca, ou nem quer conhecer, e a razão mais valida é o anonimato destas tão baixas personalidades. Quando se dá um comentário destes, e não se dá a cara, está tudo dito. Cobardia por excelencia.
Força Sr Cavaca, porque a cobardia é medo consentido, e eles escondem-se no anonimato.

Cobarde de coração, ousado em comentário!

Comentar post






pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Junho 2011

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930


Ciclismo, uma paixão.