Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



O regresso dos míticos.

Quarta-feira, 24.11.10

 Como previsto, às 8h e 30m na Sra do Carmo compareceram, o nosso recém chegado da Alemanha João Venâncio,  o amigo Nuno Marques que por motivos de força maior esteve ausente quase 4 mêses,  o Fernando Caetano que nos aguardava em Orjais, e eu que já vinha em aquecimento desde o Refúgio. Esteve uma óptima manhã para a prática do ciclismo, pedalamos por Orjais, Guarda, Panóias de Cima, Sortelhão, Adão, Pega, Pousafoles do Bispo, Pena Lobo, Água da Figueira, Bendada, Trigais, Inguias, Caria e Covilhã.

 

João Venâncio pronto para a imolação.

 

Nuno, mais modesto, e em início de preparação.

 

Momento que também registo com sabor nostálgico, a foto com o meu amigo Venâncio.

 

Depois de alguma conversa, vamos ao assunto. 

 

Tive que recuar a 11 de Julho deste ano, para recordar a ultima volta que Venâncio fez connosco.

 

Início da subida para a Guarda.

 

Vontade não lhe falta, falta-lhe é algum ritmo.

 

Perto do alto de Santa Cruz.

 

Tempo para uma foto no alto de Santa Cruz.

 

Fernando e Venâncio ao fundo.

 

...e João Venâncio mantem hábitos e características.

 

Guarda à vista.

 

Passagem por Água da Figueira.

 

Já a caminho da Bendada, restava pouco para a chegada.

 

SÁBADO UMA PROEMINENTE VOLTA, SAÍDA DOS ARCOS ÀS 8H 30M.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 13:56


6 comentários

De jmedeiros a 24.11.2010 às 14:39

Belo Grupo, dois regressados!
É bom ver que mesmo por pouco tempo o Venâncio(Video Ciclismo na Covilha AVIDESA-1987) ainda deu umas pedaladas e o Nuno já regressou às voltas mesmo em tempo de frio!
Abraço aos Míticos
Medeiros

De José Cavaca a 24.11.2010 às 19:46

Companheirão Medeiros, hoje tivemos a presença de um amigo da era AVIDESA, posso afirmar que estão quase todos no activo, e até já se pensou em organizar a mesma volta com os mesmos elementos,,, sería algo de fazer vir à memória, a até algumas lágrimas, o reviver desses belos tempos de juventude. Quanto ao Nuno, começou agora a dar as pedaladas de adaptação, em breve está a fugir-nos.
Grande abração, e grato pela visita.

José Cavaca

De jmedeiros a 25.11.2010 às 14:59

Amigo Cavaca,
Eu já tinha pensado o quão magnifíco e nostálgico seria reunir os magnifícos da Avidesa 1987!
Até eu quero estar presente para assistir ao vivo a esse acontecimento, quanto ao Nuno é como diz, mais uns kms e está a bombar!
Abração a todos os magnificos de 1987 e aos de 2010 também, sim que o jantar de Natal está quase aí...!
Medeiros

De bcmantunes a 24.11.2010 às 23:18

Viva, meu caro amigo José Cavaca & Cª, cordiais cumprimentos.
É normal que entre amigos haja os que provocam momentos nostálgicos. Não me enganarei muito se disser que serão momentos idênticos aos que vivo ao recordar com os meus irmãos algumas vivências da minha meninice. Isso sabe muito bem! Não é apenas a boca que se abre ao sorrir, é uma coisa indescritível em que todos os sentidos participam.
Parece que sentimos o cheiro dos momentos...
Caríssimo J. Cavaca, não percebi se o Companheiro Venâncio estava a deliciar-se com algum cachito que ficou por vindimar.
Saudações cordiais,
Belchior Madeira Antunes

De José Cavaca a 25.11.2010 às 21:42

Boa noite amigo Belchior, muito obrigado uma vez mais pela sua companhia neste nlog.
Quanto a este amigo Venâncio, é uma personalidade muito singular,,, eu não conheço ninguém, nem sequer parecido com estas caracteristicas. Também não me recordo da data de o ter conhecido, desde que existo e me conheço, assim o conheço a ele. É de uma humildade extrema, este é daqueles que passa frio para dar o casaco ao amigo.

No que se refere a deliciar-se com os cachitos, é realmente verdade,,, e não é só com os cachitos, é com todo o tipo de fruta que vai encontrando,,, só tem um contra, é que nos atrasa a hora de chegada a casa,,, mas é um humano que vale o peso em ouro.

Caríssimo Antunes, uma vez mais um grande abração, e grato pela visita.

José Cavaca

De bcmantunes a 26.11.2010 às 00:58

Viva, amigo José Cavaca & Cª, cordiais cumprimentos.
Bem me parecia que são amigos de longa data, de escola!
Tenham paciência! É que também aprovo as paragens por causa do rebusco após a vindima. Nesta altura do ano as uvas estão deliciosas. Saberá melhor do que eu que há pessoas que guardam uns cachinhos para esta época natalícia.
Mais um belo conjunto de fotografias de uma zona que se presta a excelentes fotografias, retocadas pela sensibilidade do amigo Cavaca. O particular motivo do companheiro Venâncio foi o enfoque do conjunto de fotos.
Caríssimo, J. Cavaca, desejo tudo de melhor.
Um abraço,
Belchior Madeira Antunes

Comentar post