Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



De Covilhã, pela Mata da Rainha.

Terça-feira, 31.08.10

Mais uma manhã sublime.

Pelas 7h 30m compareceram nos Arcos, Cavaca, Nicola e Abel, para uma volta magnífica em todos os aspectos, desde a companhia, temperaturas, andamento, e um estreante de nome Nicola, que com a sua sublime condição fisica, era impossivel de acompanhar.

Agradeço aos dois a bonita manhã ciclística que me proporcionaram, e não fossem eles, teria dado a volta só.

 

 

A caminho do Fundão, foi logo perceptível a facilidade espantosa que Nicola subiu o Souto Alto.

 

 

Entrada na cidade do Fundão,,, terra onde nasci em 1958.

 

No inicio da Gardunha,  facilmente desapareceu em 53 sei lá quantos.

 

 

Passagem pelo alto da Gardunha.

 

Próximo da Mata da Rainha, e esta bonita estrada a necessitar de um toque.

 

Mata da Rainha, que nome tão digno.

 

Logo a seguir, Aldeia de Santa Margarida.

 

E um pouco mais à frente, a terra de boas gentes, Pedrogão de São Pedro.

 

Pedalamos mais 15km, e damos de frente com a bonita terra de Penamacor.

 

 

De Penamacor para Meimoa, veleu-nos o colorido do ciclismo,,,

 

 

*****

 

Na Meimoa, e para a história fica esta foto com um companheiro 5 estrelas.

 

Não menos companheiro, o nosso amigo Abel.

 

De novo na estrada, ao encontro do Fernando Caetano.

 

Passagem no Monte do Bispo, já com a companhia de outro grande companheiro, o Fernando.

 

Passagem sobre o rio Zêzere, já muito próximo da Covilhã.

 

Covilhã à vista, e final de uma manhã assinalada pela presença de um grande companheiro, pena é que tenha de regrassar brevemente ao seu País Natal, mas vai ainda tentar estar presente dia 12 no Serra Acima.

 

SIMPLESMENTE 122KM DE GALA.

 

Estou de ferias, mas vou dando notícias de algumas voltinhas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 13:16


6 comentários

De jmedeiros a 31.08.2010 às 13:54

Magnificas imagens e ainda nos dá a conhecer o nosso Portugal.
Sinto um certo ar de cansaço nas suas palavras, já merece o descanso das férias.
Dúvida: férias com ou sem bici?!
Abração do amigo Medeiros e obrigado pelso elogios

De José Cavaca a 31.08.2010 às 14:10

Companheiro Medeiros, grato por tudo o que tem dito e feito por mim,,, mas estou mesmo a necessitar de um descanço. Vou levar a bici,,, mas só para passear.

Grande e forte abração.

José Cavaca

De Lourenço a 31.08.2010 às 22:03

Mestre,

Desejo-lhe umas excelentes ferias com muito descanso há mistura.
Ate os grandes ciclistas merecem descanso.
Repor energias e atenção há família.

Grande abraço.

De bcmantunes a 01.09.2010 às 00:03

Ora viva, meu caro amigo José Cavaca, cordiais cumprimentos.
Tudo de bom tenha umas magníficas férias, faça uma boa viagem até ao local de destino das mesmas.
Matenha a forma pedalando na estrada.
Disse o amigo Jorge Medeiros que; Não se deixa de pedalar quando se envelhece, envelhece-se quando se deixa de pedalar!
Eu acrescentaria que as férias não devem ser em BebiDorme. Se forem em Vilamoura tem belos jardins onde se podem pedalar uns bons quilómetros.
Caríssimo, J. Cavaca & Cª, reitero o desejo de óptimas férias.
Saudações cordiais,
Belchior Madeira Antunes

De António Lebre a 02.09.2010 às 00:21

Agora até já vêm do estrangeiro para andar com o Cavaca, não há volta a dar é o maior.
Continuação de boas "ausências por motivos inadiáveis". Até eu já precisava de novo, ainda a noite anterior foi uma directa por causa da trovoada, já há alguns anos que não via uma trovoada destas, foi forte e feio.
Abraço
Lebre

De jmedeiros a 02.09.2010 às 10:53

http://jmedeiros.blogs.sapo.pt/50717.html#comentarios

Domingo vou sair de Seia às 8H com o amigo Carlos Alberto, que vem de França e devenos passar em Mantaigas às 10H30'.
Se alguem quiser vir ao nosso encontro em Manteigas, subiamos à Torre todos juntos e depois eu e o Carlos descemos para Seia e os amigos descem à Covilhã.
abraço a todos
Medeiros

Comentar post