Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



De Covilhã pela Lardosa.

Quinta-feira, 11.02.10

Percurso- Covilhã, Fundão, Alpedrinha, Lardosa centro, Barragem de Santa Águeda, Soalheira centro, Alpedrinha, Alcaide, Carvalhal, Capinha, Peroviseu e Covilhã.

 

Muito frio e vento esta manhã, vento que facilitou até à Lardosa, complicando muito no regresso, e a temperatura não passou dos 7 graus,  mas ciclismo está enlaçado com a natureza, e este desporto é tão ou mais generoso, quanto maior forem as dificuldades.

Uma curiosidade, é que o mesmo cão que nos acompanhou cerca de 8 km a 30 de Janeiro no Fundão, hoje fez-nos uma grande surpresa em Alpedrinha, quando me viu até ladrava de contente à minha volta, acompanhando-me então até ao alto da Gardunha, descolando só quando virei para o Alcaide.

Próxima volta talvez amanhã, é que Sábado poderei não estar presente.

 

Boas pedaladas para todos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 15:45


6 comentários

De Jorge Medeiros a 11.02.2010 às 18:45

boas!!
ainda de tarde pensei ter visto aqui que a volta de hoje tinha sido por Manteigas e até fiquei "chateado" por nao me ter visitado, mas vejo agora que estava enganado, quando vier a Manteigas apite sff!!
Em relação ao caozinho é de louvar, não é que o animal tem mesmo alma de ciclista!habita no Fundão e em Alpedrinha e mais imrpessionante, pasmem, reconheceu o amigo Cavaca!
É caso para dizer que os animais não se enganam, sabem quem é boa gente!!
Grande bem haja ao amigo Cavaca e até domingo.
Medeiros

De João Carlos a 11.02.2010 às 19:00

Certamente também segue o blog e foi esperar o Cavaca a Alpedrinha

De Jorge Medeiros a 11.02.2010 às 19:04

muito boa essa teoria!!!

De Jorge Medeiros a 11.02.2010 às 19:03

tinha visto por engano o post de 28 de Fevereiro de 2009 (volta a Manteigas)!
as minhas desculpas amigo Cavaca.
abraço
Medeiros

amigo Simoes recuperado??
abraço
Medeiros

De oui c´est moi a 11.02.2010 às 21:23

Companheiro Medeiros

A maleita está quase curada. O PDI pesa que se farta e a recuperação já não como queremos.

O abração.

De oui c´est moi a 11.02.2010 às 21:25

O fiel amigo sempre presente.

Comentar post