Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Uma volta que nos caracteriza...

Sábado, 16.02.19

A imagem pode conter: 5 pessoas, incluindo Henrique Manso, Gonçalo Ferraz e José Cavaca, texto e ar livre

Mais uma grande manhã, mais uma bonita e culta volta, mais uma à nossa imagem, mais uma com o selo do Pelotão Cavaca.
Pedalamos por duas aldeias que eram totalmente desconhecidas de nós, falo de Vasco Esteves de Cima e Baloquinhas... coisa rara mas aos poucos, não haverá canto nem recanto que não se conheça e damos a conhecer.
Hoje com Kevin SáHenrique MansoGonçalo Ferraz, Miguel Ângelo e José Cavaca.
114 km de estradas Coloridas pelo Pelotão Cavaca.

 

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, bicicleta, ar livre e texto

Pelotão Cavaca às 8:15 partia da Covilhã rumo a Baloquinhas.

 

A imagem pode conter: montanha, céu, bicicleta, ar livre e natureza

A pedalar na estradinha das Pedras Lavradas.

 

A imagem pode conter: Kevin Sá, bicicleta, montanha, ar livre e natureza

Depois do Cafezinho, oferta de Gonçalo Ferraz, pedalava-se para Vasco Esteves de Cima.

 

A imagem pode conter: ar livre

Esta é a Paradisíaca aldeia de Vasco Esteves de Cima.
O topónimo de Vasco Esteves de Cima contrasta com a vizinha povoação de Vasco Esteves de Baixo. Várias foram as suas designações para o distinguir daquele seu homónimo: Vasco Esteves do Cabo, de lá, d’ Alem e finalmente Vasco Esteves de Cima. Vasco Esteves deve ter sido um rico proprietário que desbravou, valorizou e transformou a agricultura e pecuária desta zona, impondo-se pelo seu dinamismo, e espírito de iniciativa aos outros casais com um perfil de chefia reconhecido por todos. O topónimo será assim a expressão da admiração que lhe votaram os seus contemporâneos e descendentes.

 

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e ar livre

Já a percorrer ruas de Vasco Esteves de Cima... Pelotão Cavaca não é só pedalar.

 

A imagem pode conter: José Cavaca, bicicleta e ar livre

Fiquem a saber também que em Vasco Esteves de Cima a Festa de Nossa Senhora do Bom Parto é no segundo domingo de Julho.

 

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, bicicleta, ar livre e natureza

Pelotão Cavaca em Vasco Esteves de Cima, onde o único ruido é o silêncio... lindíssima aldeia.

 

Segundo o recenseamento de 1950, Vasco Esteves de Cima tinha 44 fogos, 71 homens e 80 mulheres, à razão de 3,4 habitantes por fogo, enquanto Vasco Esteves de Baixo tinha 3,07 habitantes por casal. A localização geográfica de Vasco Esteves de Cima é digna de uma aguarela: O casario, pobre e ao mesmo tempo nobre, típico, belo, enquadrado no meio ambiente, emoldurado por uma vegetação de pinheiros, acácias, oliveiras, figueiras e videiras, que se entende sobranceira e alcantilada à ilharga do caminho, que do povo de Vasco Esteves de Baixo se dirigia para a Teixeira.

 

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, bicicleta, montanha, céu, ar livre e natureza

Depois da visita a Vasco Esteves de Cima, rumo agora a Barriosa.

 

A imagem pode conter: 2 pessoas, incluindo Gonçalo Ferraz, pessoas a sorrir, pessoas a andarem de bicicleta, bicicleta, ar livre e natureza

Pausa na Barriosa, mais propriamente no Poço da Broca.

 

A imagem pode conter: montanha, céu, relva, árvore, ar livre e natureza

A dar entrada em Baloquinhas.

 

A imagem pode conter: bicicleta e ar livre

... a preparar a visita...

 

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, montanha, ar livre e natureza

Paramos para olhar a natureza e vimos como o silêncio em que ela trabalha nos proporciona maravilhas...
Pelotão Cavaca a Colorir Aldeias de Portugal.

 

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, bicicleta e ar livre

Pelotão na residencia do Sr Manuel, o qual nos convidou para provarmos o bom queijo e melhor jeropiga.

 

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas em pé

Em Baloquinhas o Sr Manuel convidou-nos a provar a boa jeropiga e o bom queijo... "boas terras, boas gentes", e é disto que as nossas voltas são feitas, ciclismo não é só pedalar.

 

A imagem pode conter: planta, ar livre e natureza

Baloquinhas

Gostamos de parar e observar a natureza em silêncio, ela pode-nos dar paz e paciência, além de uma lição para levar por toda uma vida.

... é simplesmente isto que adoro em todas as nossas voltas...

 

A imagem pode conter: planta, árvore, ar livre e natureza

Com tamanha simpatia destas gentes de Baloquinhas, a estadia prolongou-se 3 vezes mais que o programado.
Agora havia que dar ao pedal para a Covilhã.

 

A imagem pode conter: ar livre

No Pelotão Cavaca cada um cumpre livremente o seu papel... assim nos despedimos de Gonçalo Ferraz e a etapa seguiu em harmonia... Bem Haja amigo pela companhia.

 

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e ar livre

Eis a última localidade do dia... Bem Haja a todos os que contribuíram para esta manhã em que ciclismo e natureza pedalaram de mãos dadas.

 

Cafezinhos hoje foram oferta de Gonçalo Ferraz.
Bem Haja amigo.
 

 

Nenhuma descrição de foto disponível.

Pelotão Cavaca ordenado após etapa de Baloquinhas.

 

Amanhã às 8:30 nos Arcos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 14:44