Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Sábado, por Salvaterra do Extremo!

Segunda-feira, 02.11.15

Situada nos confins orientais do concelho de Idanha-a-Nova, Salvaterra do Extremo foi primitiva­mente designada como Salvaterra da Beira. As origens da povoação remontam aos inícios do século XIII. Em 1229 recebeu foral de D. Sancho II. A sua primeira fortificação pode ter sido construída nessa altura, com patrocínio ou intervenção directa dos Templários.

 

A vila cresceu extramuros, de costas voltadas para Castela, descendo pela encosta poente da elevação onde o castelo foi erigido.

 

No interior da Vila destacam-se a Igreja Matriz, com um belo altar de talha dourada na capela-mor, e a capela da Misericórdia. São igualmente merecedores de interesse alguns exemplares da arquitectura popular, que cruzam os modelos construtivos da Beira Baixa, do Alto Alentejo e da Extremadura espanhola.

 

O rio Erges corre aqui em profunda e rasgada garganta na dura massa granítica: é a linha de fronteira que o abandonado castelo de Peñafiel, na outra margem e no topo de um elevado penhasco, afrontando Salvaterra do Extremo, garante carga simbólica.

 

Mapa da volta.

 

Pormenores da volta.

 

Partida dos Arcos às 7:00

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 17:53