Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Liberdade de Espírito...

Quarta-feira, 29.06.11

                                  realidade ou volta de sonho?

cavaca 1

Direta ou indiretamente participaram nesta manhã de sonho, Paulo Lourenço, Fernando Caetano, João Venâncio, José Cavaca, Jorge Medeiros, Carlos Alberto, e a nossa surpresa matinal o Sr. António Silva.

Saímos à hora marcada com mira no Covão da Ponte.

Pedalamos por Orjais, Valhelhas, Vale de Amoreira, Manteigas, e Covão da Ponte. O regresso foi pelo mesmo percurso.

 

cavaca 4

Entrada no Parque Natural da Serra da Estrela, a manhã estava óptima para o ciclismo.

 

cavaca 5

Impaciência dos nossos "inimigos". Depois digam que são os ciclistas!

 

cavaca 8

Com temperaturas excelentes, e amigos em harmonia, não se dava pelos kms.

 

 cavaca 6

A coragem do amigo Carlos, já fez 1700km com com o braço partido, engessado, lógico.

Comparado com quem não aparece porque, a "Avó se sentiu mal, ou faz anos...etc. etc...???"

 

cavaca 7

O amigo António também não se fez rogado,  a simpática presença é já um habito.

 

cavaca 9

Manteigas à vista.

 

cavaca 10

Depois de cumprimentar os grandes amigos Medeiros e Lourenço, que impacientes nos esperavam em Manteigas, pedalavamos agora na N232 rumo ao Covão da Ponte.

 

cavaca 11

Depois de pedalar cerca de 5km desde Manteigas, viramos à direita para o Covão.

 

cavaca 12

E hei-nos no alto, Covão da Ponte fica lá ao fundo.

 

cavaca 13

Na agradável descida, apenas se ouvia o rolar das bicis e o cantar das aves.

 

cavaca 14

Chegamos ao Covão da Ponte. É um lugar belíssimo do concelho de Manteigas, situa-se a 960m de altitude, local onde o Rio Mondego corre na fase inicial do seu percurso.

 

 cavaca 15

Ao aproveitar as características naturais do local, o Parque Natural transformou este local num pequeno núcleo de recreio, com infraestruturas de campismo e uma casa abrigo com as condições mínimas, para apoiar todos aqueles que gostam de praticar actividades de ar livre como o Ciclismo."

 

cavaca 17

"De bicicleta ou a pé, o Covão da Ponte poderá ser o ponto ideal de partida para visitar o Planalto Central, e ter um contacto direto com a Serra da Estrela.

 

cavaca 18

Quem vai para o Covão da Ponte não vai certamente à procura de luxos desmedidos, mas a beleza deste local irá faze-lo esquecer qualquer falta de conforto."

 

cavaca 19

No conforto natural deste paraíso, Venâncio toma o seu pequeno almoço na Cerejeira.

 

cavaca 16

Na despedida a este local, uma foto com o amigão António Silva.

 

cavaca 20

Depois de acordar, tivemos que meter sapatos nos pedais e fazer-nos à estrada.

 

cavaca 21

Que pelotão mais apropriado.

 

cavaca 22

Novamente no alto do Covão,,, agora com vistas para o Vale Glaciar.

 

cavaca 24

A descida para Manteigas desde o Covão da Ponte.

 

cavaca 23

Para a posteridade fica uma imagem de satisfação dos breves momentos vividos neste local.

Obrigado companheiros pela presença nesta celestial manhã.

 

SÁBADO VAMOS À GRANDE ROMARIA EM VALE DE MACEIRA.

(Goulinho)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 13:27

Amanhã, ao Covão da Ponte.

Terça-feira, 28.06.11

 

 Parque do Covão da Ponte

 

Saída da Sra do Carmo às 7h 30m.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 01:10

Pomares.

Segunda-feira, 27.06.11

cavaca

(Foto que prometi divulgar assim que a recebesse.)

Obrigado Medeiros

 

Foi o momento da entrega de uma lembrança assinada pelos ciclistas presentes, que simbolizou a nossa visita a Pomares, onde também não falta o famoso Pontão.

 

O momento adequado para uma ação chama-se ocasião, assim aproveitamos a Festa de S. João, e como muito bem alguém escreveu,,, 

"Venha a Pomares, beba da nossa água, e ficará apaixonado pela nossa terra e pela Serra do Açor". 

 

pomares 047

António Silva, homem que brilhantemente faz o seu trabalho fotográfico em Pomares.

 

http://rouxinoldepomares.blogs.sapo.pt/

 

Voltaremos.

 

Na proxima Quarta Feira vamos ao Covão da Ponte, Manteigas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 00:14

Relaxar na Serra da Estrela.

Domingo, 26.06.11

cavaca 1

Minha estrada pode não ser a tua estrada. Contudo, juntos pedalamos de mãos dadas.

 

Fernando Caetano, António Sá, Fernando Prata, José Cavaca, Helder Torres, Zé Carlos, António Silva, João Dias, e não estão na foto Kevin Sá, Simões, Venãncio e mais dois colegas de Kevin por seguirem por outros caminhos,,, participaram de qualquer forma nesta manhã de puro convívio e preparação para uma boa semana de trabalho.

 

cavaca 2

 As primeira pedaladas.

 

cavaca 4

Passagem em Vale Formoso.

 

cavaca 5

João Carlos, o mais jovem do grupo.

 

cavaca 6

Imagem ilucidativa da sempre boa disposição esta manhã.

 

cavaca 7

António Sá, um dos bons contribuintes para o alto ambiente humorístico.

 

cavaca 8

Prata, o nosso já tradicional "Modelo" ciclístico.

 

cavaca 11

Proximo de Manteigas.

 

cavaca 9

Zé Carlos, um autêntico icon internacional publicitário.

 

cavaca 12

Não podiamos deixar de registar a pose do nosso Modelo.

 

cavaca 13

Já de retorno, e as temperaturas faziam alguma moça.

 

cavaca 14

Até o amigo António se precaveu para tais situações.

 

cavaca 15

Alguém dizia,,, Prata cara de mau!

 

cavaca 16

Bom andamento,,, começava a cheirar a almoço.

 

cavaca 17

Pequena paragem em Valhelhas...

 

cavaca 18

... para abastecimentos,,, ou despejar.

 

cavaca 19

Pelourinho de Valhelhas.

 

cavaca 20

E a presença simpática de Vanâncio revela-se.

 

cavaca 21

Minha estrada poderá não ser a tua. Contudo, continuaremos a pedalar de mãos dadas.

 

Muito obrigado companheiros por esta já bem explicada manhã.

Espero que todos tenham recepcionado vitaminas suficientes para uma boa semana.

 

GRANDE ABRAÇÃO DE TODOS PARA TODOS.

 

José Cavaca

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 13:20

Calor humano de Pomares,

Sábado, 25.06.11

                                    excede os 40º da estrada. 

cavaca 1

Fizeram questão de participar nesta quente e festiva manhã, Venâncio, Carlos Amaral, Miguel Galvão, António Castanheira, Palmeirão, Guilhermino, Jorge Medeiros, Simões, Fernando, Zeca de Loriga, e Cavaca.

Percurso: Covilhã, Unhais, Teixeira, Vide, Ponte 3 Entradas, Avô, Anceriz e Pomares. O regresso foi praticamente o mesmo percurso, só não fomos a Anceriz. 

Este grupo de ciclistas, desejou enriquecer com uma gotinha, essa fertilidade de Cultura local que nos cheirava a quilómetros. Sem a cultura e a liberdade relativa que ela pressupõe, a sociedade por mais perfeita que seja, não passa de uma selva. É por isso que toda a criação autêntica é um dom para o futuro. Parabéns pelo trabalho que todas as gentes destas aldeias têm feito. Muito obrigado Sr. António Manuel Silva, Glória Marques e acompanhantes, pela carinhosa recepção.  Voltarei com mais tempo.


 

cavaca 2

Saída da Covilhã às 7h 33m. Sol já ía alto e temperatura de 22º.

 

cavaca 3

Como diz o ditado, "vamos prá festa".

 

cavaca 5

Passagem na Teixeira...

 

cavaca 4

...onde tomei esta panorâmica.

 

cavaca 6

Entrada em Vide,,,

 

cavaca 10

e grupo de Medeiros ja na nossa companhia.

 

cavaca 9

Como sempre, Vide convida a uma boa foto.

 

cavaca 11

Rolava-se já rumo à Ponte das Três Entradas.

 

cavaca 12

Aqui já pouco faltava para se virar à esquerda para Avô.

 

cavaca 13

Entrada em Avô.

 

cavaca 14

Tempo para umas fotos.

 

cavaca 15

Até uma com o companheiro e amigo venâncio.

 

cavaca 16

E mais uma à Praia Fluvial. Muito estranho é a água ter uma cor preta.

Razão para não haver ninguém na água. Lamentável.

 

cavaca 17

Mas Pomares esperava por nós, pés nos pedais e rumo a Anceriz.

 

cavaca 18

Anceriz, há 4 anos que não pedalava por aqui.

 

cavaca 19

E eis Pomares e a tão famosa, bonita e original Ponte onde hoje pedalei. Que apetitosa praia. Estas águas nada têm a ver com as de Avô, se fosse necessário até se bebia.

 

Pomares - Há cheiro de rosmaninho no ar!

Tomei a liberdade de colocar uma bonita foto de Pomares, tirada pelo amigo António Silva.

 

 

cavaca 22

Até a banda musicou a nossa chegada, ou que alegre coincidência.

 

cavaca 21

Não podia deixar de registar um momento mágico,,, a foto com o amigo António Silva.

Pouco tempo, mas vi muito desta ilustre personalidade.

Razão tem o amigo Belchior, é uma pessoa 6******.

 

cavaca 23

Grande ambiente festivo se vivia em Pomares, mas não podiamos ficar, faltavam 75km de calor abrasador até à Covilhã.

 

cavaca 24

Pés nos pedais, bicis na estrada, e passagem novamente em Avô.

 

cavaca 25

Já na N230.  "Vimos da festa". A história está quase terminada.

 

cavaca 27

Para trás ficou uma memorável manhã, e por trás daqueles montes,  gentes que tudo fazem para bem de outras gentes.

 

Um dia, pode ser que o mundo acorde e seja como POMARES.

 

cavaca 26

Agora está na hora de descansar,,, porque amanhã há mais.

 

AMANHÃ, SAÍDA DA SRA DO CARMO ÀS 8H 30M.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 16:31

Amanhã vamos a Pomares...

Sexta-feira, 24.06.11

                                           à Festa de S. João.

(Pomares)

 

Tendo como padroeira Santa Luzia, Pomares é uma freguesia do concelho e comarca de Arganil, pertence ao distrito, diocese e relação de Coimbra. A freguesia possui, segundo o Censo 2001, 595 habitantes e 528 votantes.

A Freguesia de Pomares tem 30 km de sede de concelho e está situada no interior da Serra do Açor, perto da margem esquerda do rio Alva.

No seu interior de paisagens lavadas pela frescura das árvores possui serviço de Correio e telefone, feito pela estação postal de Côja; Bombeiros Voluntários; uma belíssima piscina naural, com acesso ao parque infantil e Escola Primária.

Pomares fica situada num vale ameno e oferecendo inequívocos vestígios da sua importância do século XVI, é documentada pela existência de numerosas habitações, de arruamentos completos, homogéneos, da época manuelina e joanina.Além de conservar arruamentos datados do século XVI, esta aldeia possui uma belíssima Igreja do tipo final da centúria de setecentos, com divisão interna de três naves e facial imponente.

A freguesia é composta por 12 aldeia cobertas pela Serra de Açor, uma beleza natural que encanta miúdos e graúdos. Aqui pode desfrutar das mais frescas paisagens naturais que jogam com a companhia do som dos pássaros, altas àrvores e as belas montanhas da Serra. Um local inteiramente repousante, repleto de silêncios e sons que acalmam. Onde as respirações ganham vida e renovam.

 

Saída do Períferia(Covilhã) às 7h 30m,para visitar esta linda freguesia.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 01:10

Volta das Praias.

Quinta-feira, 23.06.11

cavaca 1

Às 8 horas saíram da Sra do Carmo para esta excelente volta, João Venâncio, Guilhermino, António Santos, Fernando Mendes, Fernando Prata, Lídio, e eu José Cavaca. Mais tarde, na Capinha, juntaram-se Fernando Dias, José Carlos, João Dias, e António Dias.

Foram 105km de muito bom ciclismo, numa manhã em que o bom andamento e convívio foram de reverência.

Todos esperavam que com este calor, houvesse mais afluência às Praias.

 

cavaca 2

Primeiras pedaladas eram sinónimo de boas médias, o que veio a contecer.

 

cavaca 3

De registo mais uma estreia, o nosso companheiro António Santos que promete continuar.

Um bom elemento para voltas até 120km.

 

cavaca 4

Proximo de Belmonte.

 

cavaca 6

E o já habitual registo desta original rotunda em Belmonte.

 

cavaca 5

De registo a óptima forma que Venâncio (ex-Avidesa 1987), se apresenta este ano.

 

cavaca 9

Passagem no Casteleiro, e o bom andamento mantinha-se.

 

cavaca 10

E eu ía lembrando que Sábado também era dia de Ciclismo! mas as fugas mantinham-se.

 

cavaca 11

E a chegada à primeira Praia, a da Meimoa.

Praia, aldeia pobre, vagueia a lua na areia, alto astral nos cobre.

 

cavaca 12

Há quem diga que amizade é semelhante a um bom café;

uma vez frio, não se aquece sem perder bastante do primeiro sabor.

Mas nós não deixamos arrefecer.

 

cavaca 13

De novo a rolar, agora rumo à Praia da Benquerença.

 

cavaca 15

Chegada à Benquerença registada pelo João Venâncio.

 

cavaca 0

E a foto de família nesta bonita zona de lazer.

 

cavaca 16

Local que convida a boas fotos ao "modelo", J. Venâncio.

 

cavaca 17

Fernando Prata.

 

cavaca 18

O nosso amigo Lídio.

 

cavaca 19

E o nosso estreante António Santos.

 

cavaca 20

Mas temos que voltar a rolar, agora rumo a Escarigo.

 

cavaca 21

Lídio e Venâncio censuravam a água da praia,,, era muito salgada!

 

cavaca 22

A favor do vento, e com a manhã quase concluída, já se reflectia sobre Pomares.

 

cavaca 23

Obrigado companheiros por esta manhã com muito sabor a Verão.

  

SÁBADO A POMARES!

Saída do Períferia às 7h 30m.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 12:38

Amanhã volta das Praias!

Quarta-feira, 22.06.11

(Praia Fluvial da Benquerença)

 

Com saída da Sra do Carmo às 8 horas, vamos pedalar tranquilamente por Belmonte, Inguias, Casteleiro, T. Bruxas, Sra da Povoa, Praia Fluvial da Meimoa, Praia Fluvial da Benquerença, Três Povos, Capinha e Covilhã.

 

 

DIA 2 DE JULHO VAMOS A GOULINHO.

 

DIA 9 DE JULHO À Sra. DA LAPA.

Todos contamos com todos.

 

Té manhã e um abraço.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 14:40

Mítica da Barriosa, cumprida.

Terça-feira, 21.06.11

cavaca 1

É verdade, e foi mais uma volta de 4P's, como alguém muito bem escreveu.

Às 7h 30m pontuais, Fernando Caetano, José Cavaca e Simões, saíram da Covilhã rumo a Tortosendo, Unhais da Serra, Alto das Pedras Lavradas, Vasco Esteves, Aguincho, Fradigas, Barriosa, Ribeira, Teixeira, Unhais e Covilhã. Simplesmente natureza, natural.

 

cavaca 2

Passagem pelo Tortosendo.

 

cavaca 3

Alto da Portela e Serra da Estrela à vista.

 

cavaca 4

Com temperaturas muito agradáveis, entravamos em Unhais da Serra.

 

cavaca 6

À saída de Unhais, uma primeira panorâmica, a Erada e o Paul lá mais longe.

 

cavaca 7

E a nossa já bem conhecida  agradável estrada até Pedras Lavradas.

 

cavaca 8

Do alto das Pedras Lavradas...

 

cavaca 9

...uma panorâmica de Aguincho, e Fradigas logo a seguir.

 

cavaca 10

E à passagem por Aguincho não resisti, parei para esta foto...

 

cavaca 11

... e mais esta...

 

cavaca 12

E mais esta, onde se vê o Fernando, e o Simões logo atrás. É que além dos P's, temos que acrescentar um "B" pois esta zona é de rara Beleza.

 

cavaca 13

Beleza, que até a  bici  parecia estranha por parar repetidamente.

 

cavaca 14

E Barriosa à vista.

 

cavaca 15

E à vista salta também este bonito lago. Um local ideal para se passar um dia bem agradável.

 

cavaca 16

Já na N230, as altas temperaturas despertavam-nos para uma realidade bem quente.

 

cavaca 17

Do alto das Pedras Lavradas ainda tomei esta fota de Teixeira.

 

cavaca 18

Novamente na agradável estrada rumo a Unhais, onde o "Vento dá cartas".

 

cavaca 20

E que bacana maneira de terminar esta manhã.

Bruno Fernandes e Zé Carlos deslocaram-se prepositadamente para nos acompanhar nos 30 quilómetros finais.

São gestos que muito admiro, talvez por já não serem tão comuns.

 

QUINTA FEIRA SAÍDA DA SRA DO CARMO ÀS 8 HORAS.

(Uma volta suave, com visita à Praia Fluvial da Benquerença.)

É que Sábado vamos ao S. João a Pomares!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 13:49

De Silvério Correia.

Segunda-feira, 20.06.11
cavaca 2
 
Embora "desafiado" pelo António, para o viver alive ", desta vez não deu, embora durante o dia de sábado, não me tenha saído da mente. Hoje, lá me conformei com sua realização virtual, mas, vale a pena. Verdade, é assim que várias vezes eu vivo estes passeios, consigo sentir-me lá, através da leitura, complementada com as fotos, amavelmente publicadas por estes bloguistas , de forma pura e natural.
Um passeio destes, onde todos os participantes aplicaram e praticaram a politica dos 4P's (Pelo Puro Prazer de Pedalar), exemplarmente, e, onde sobressai o verdadeiro espírito do CICLOTURISMO , é sem duvida um incentivo para todos os amantes da modalidade e uma lição para quem não entende, ou não quer entender, o seu sentido. Só com este espírito se consegue alcançar o sucesso em todos os passeios, mesmo com objectivos arrojados como o deste.  Muitos parabéns, por tudo e, no meu caso, por me darem a conhecer mais uns cantinhos com paisagens maravilhosas e monumentos que não fazia a mínima ideia da sua existência, como é a réplica do Cristo Rei, e que passou neste momento, a objectivo a cumprir muito brevemente.  Aos meus conterrâneos, Covilhanenses, um abraço especial e o desejo de em breve, se o permitirem, partilhar com todos, um destes inesquecíveis passeios.
Um ABRAÇO
Silvério
 
 
Simplesmente o meu muito obrigado...
José Cavaca 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 22:56


Pág. 1/3