Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



De Covilhã por Oledo.

Sábado, 27.11.10

As previsões meteorológicas continuam a atemorizar alguns ciclistas.

 Possso garantir, e o companheiro Lebre que o diga, esteve uma manhã excelente para esta célebre volta.

Concluimos a volta tal como previsto, as temperaturas entre os 3 e os 14 graus, o desnível acumulado foi de 1485 metros, e a companhia  perfeita.

 

Depois de passarmos em Oledo, uma paragem em Proença-a-Velha.

 É uma freguesia portuguesa do concelho de Idanha-a-Nova, com 57,75 km² de área e 282 habitantes (2001). Densidade: 4,9 hab/km². Foi vila e sede de concelho entre 1218 e 1836. Era constituído pelas freguesias da sede e de Aldeia de Santa Margarida até à reforma administrativa de 1835 e S. Miguel d'Acha até 1752. Tinha, em 1801, 934 habitantes.

Proença designa várias freguesias de Portugal e, escrito como Provença, refere-se também a Provence (designação medieval para região de França). Supõe-se, portanto, uma origem occitana das populações que vieram a criar estas aldeias, no tempo da reconquista cristã da região.

 

De novo na estrada, rumo a Penamacor.

 

Entre Penamacor e Capinha, sempre me fascinou este quadro.

 

As nossas já bem conhecidas rectas de Penamacor.

 

Serra da Estrela à vista e com alguma neve na zona da Torre.

 

Passagem pela Capinha, aqui marcava 14 graus .

 

Covilhã e chegada à vista, estou grato ao amigo Lebre pela companhia.

 

Amanhã não sei se poderei estar presente, mas para orientação dos que quiserem pedalar,,,

 

...SAÍDA DA SRA DO CARMO ÀS 9h 30m.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por José Cavaca às 14:27